Share Button
Estudos Bíblicos

Ouvir e Entender: A Demora na Compreensão

Tenho um amigo muito inteligente, mas que demora para entender piadas. Brincamos com ele que pode contar uma piada na segunda-feira e ele vai dar risada na quinta-feira. Todos nós conhecemos pessoas assim. Mais importante, todos nós, em uma área ou outra, somos assim. Compreensão exige mais do que apenas uma palavra rápida. Mães relembram os filhos frequentemente sobre suas tarefas simples. Professores repetem as mesmas explicações várias vezes para os alunos captarem a lição. Ler ou ouvir não significa entender. Levamos tempo para processar informações e compreender o que ouvimos.

Não devemos imaginar, portanto, que a compreensão das Escrituras seria automática ou imediata. Algumas coisas na Bíblia são de fácil compreensão, enquanto outras levam mais tempo. Consideremos o caso de Pedro, um judeu, e as promessas sobre a salvação dos gentios, ou seja, pessoas de outras nações.

Criado por pais judeus, Pedro teria aprendido desde a infância sobre as promessas de Deus. Desde a época do patriarca Abraão, o Senhor havia prometido bênçãos espirituais para todas as famílias da terra (Gênesis 12:3). Ele teria ouvido leituras nas sinagogas, locais de reunião dos judeus, dos profetas que falaram da inclusão dos gentios no reino de Deus (Isaías 2:1-4; 42:1,6; 49:6; Miqueias 4:1-3; Amós 9:11-12 etc.). Pode ter ouvido comentários como Simeão fez sobre a revelação de Jesus aos gentios (Lucas 2:28-32).

Enquanto Jesus trabalhou quase exclusivamente entre judeus, e até mandou os apóstolos aos judeus (Mateus 10:5-7), ele lhes deu vislumbres da sua missão mais abrangente. Ele visitou cidades fora do território de Israel, curou pessoas de outras nações e até aproveitou a oportunidade para falar sobre a inclusão, no seu reino, de pessoas de longe (Marcos 7:24-30; Mateus 8:10-12). Para tirar qualquer dúvida, a incumbência que Jesus deu para seus apóstolos foi universal: “Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura” (Marcos 16:15); “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações” (Mateus 28:19).

Pedro ouviu as palavras, mas demorou para compreender seu significado. Quando pregou em Jerusalém, ele citou a promessa da salvação para as nações (Atos 3:25), mas continuou pregando somente para os judeus. Deus reforçou o ensinamento sobre sua missão universal por meio de uma visão e um convite para Pedro pregar para a família de Cornélio, um homem de outra nação. Somente depois desses reforços que Pedro disse: “Reconheço, por verdade, que Deus não faz acepção de pessoas; pelo contrário, em qualquer nação, aquele que o teme e faz o que é justo lhe é aceitável” (Atos 10:34-35). Pedro demorou para entender.

Não é diferente para nós. Não devemos imaginar que vamos compreender perfeitamente tudo que as Escrituras dizem depois de uma leitura. O próprio Pedro falou da necessidade de crescer no conhecimento (2 Pedro 3:18). Esse processo leva tempo por vários motivos, entre eles:

(1) É necessário nos livrar da bagagem do passado. Um dos obstáculos para Pedro, na questão de pregar aos gentios, foi seu entendimento do Antigo Testamento que havia governado os gentios até a morte de Cristo. Ele afirmou que sempre foi fiel aos mandamentos da lei sobre coisas imundas e só mudou sua prática quando entendeu que Deus havia purificado os imundos (Atos 10:14-15).

(2) Precisamos juntar informações. Jesus, Pedro, Estêvão, Paulo e outros frequentemente juntavam informações de vários textos para dar uma explicação completa dos temas das suas pregações. Da mesma forma, nós precisamos juntar informações de vários livros da Bíblia para entender alguns assuntos. Por isso, devemos nos esforçar para conhecer a Bíblia toda, corretamente ligando os ensinamentos encontrados em lugares diferentes.

(3) É necessário ter corações abertos para aceitar o que Deus diz. Atitudes carnais e imaturidade impedem a compreensão (1 Coríntios 3:1-2; Hebreus 5:11-14).

Devemos estudar as Escrituras com paciência e determinação, demonstrando a mesma paciência para outras pessoas que buscam entendimento da vontade do Senhor.

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA