Share Button

Deus Falou para Todos Nós

A compreensão das Escrituras exige esforço e estudo, mas não devemos achar a tarefa impossível ou Deus inacessível. Ele criou os seres humanos capazes de compreender comunicação verbal, e tem comunicado com essas criaturas desde o primeiro dia da existência delas.

As primeiras palavras comunicadas aos seres humanos foram faladas diretamente, no mesmo dia que Deus criou Adão e Eva (Gênesis 1:27-31; 2:15-17). Durante as gerações que vieram depois de Adão, Deus falou diretamente para vários outros, entre eles: Noé, Abraão e Jacó (Gênesis 6:13; 12:1; 17:3,9,15,19; 22:1-2; 28:13; 35:1 etc.).

Durante esse mesmo período, ele começou a usar intermediários para transmitir suas mensagens. A palavra traduzida “anjo” significa mensageiro. Pode se referir a um mensageiro humano, mas a maioria das vezes que encontramos essa palavra na Bíblia, refere-se a mensageiros que Deus enviou do céu para falar com pessoas na terra. Do primeiro ao último livro da Bíblia, encontramos relatos de anjos falando com seres humanos.

Mensageiros humanos foram usados durante milhares de anos para comunicar as mensagens de Deus para os homens. Quando ouvimos a palavra “profeta”, normalmente pensamos em alguém que prevê o futuro. Às vezes, Deus usava profetas para revelar seus planos para o futuro, mas a principal tarefa deles foi a pregação de mensagens relevantes aos ouvintes originais. As pregações de grandes homens como Isaías, Jeremias, Ezequiel, Daniel e outros, no Antigo Testamento, foram importantes para os ouvintes da época, e ainda nos ensinam fatos importantes para os nossos dias. No Novo Testamento, os apóstolos e outros recebiam mensagens diretamente do Espírito Santo e foram fiéis na sua missão de transmitir a palavra comunicada. O apóstolo Pedro ensinou que as mensagens do Antigo e Novo Testamentos vieram da mesma fonte divina (2 Pedro 1:16-21), apoiando a afirmação de outro apóstolo, Paulo, sobre a inspiração das Escrituras (2 Timóteo 3:16-17).

Quando Deus usou homens e mulheres para transmitir suas revelações, ele forneceu provas para confirmar a fonte divina. Às vezes, o cumprimento de uma profecia serviu como evidência. Outras vezes, sinais milagrosos mostraram que Deus havia enviado a pessoa. Assim, Moisés mostrou sinais no Egito, Elias realizou milagres em Israel e Fenícia, e Paulo fez curas miraculosas na Ásia e na Europa.

Mesmo quando Deus transmitiu a mensagem por intermediários, ele esperava a obediência dos ouvintes (Hebreus 2:2; 10:28). A palavra que temos hoje, o Novo Testamento, é uma revelação superior que deve ser tratada com respeito total: “Agora, com efeito, obteve Jesus ministério tanto mais excelente, quanto é ele também Mediador de superior aliança instituída com base em superiores promessas” (Hebreus 8:6); “Se, pois, se tornou firme a palavra falada por meio de anjos, e toda transgressão ou desobediência recebeu justo castigo, como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação? A qual, tendo sido anunciada inicialmente pelo Senhor, foi-nos depois confirmada pelos que a ouviram; dando Deus testemunho juntamente com eles, por sinais, prodígios e vários milagres e por distribuições do Espírito Santo, segundo a sua vontade” (Hebreus 2:2-4).

Essa ênfase na importância do Novo Testamento aparece nas palavras do próprio Jesus: “Quem me rejeita e não recebe as minhas palavras tem quem o julgue; a própria palavra que tenho proferido, essa o julgará no último dia” (João 12:48). Paulo se referiu ao mesmo julgamento quando afirmou a abrangência universal da sua palavra: “Ora, não levou Deus em conta os tempos da ignorância; agora, porém, notifica aos homens que todos, em toda parte, se arrependam; porquanto estabeleceu um dia em que há de julgar o mundo com justiça, por meio de um varão que destinou e acreditou diante de todos, ressuscitando-o dentre os mortos” (Atos 17:30-31). Devemos prestar atenção na leitura desses trechos. A palavra do Novo Testamento não foi revelada somente para judeus, ou somente para cristãos. Jesus trouxe sua palavra para todos e enviou seus apóstolos para pregar a todas as nações, porque todos nós seremos julgados por ele.

Deus, por meio do seu Filho, Jesus, revelou sua palavra para todos nós!

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA