Share Button

Salmo 38: Estou Aflito e Mui Quebrantado

Os Salmos de Davi falam ao coração do leitor por causa das profundas emoções reveladas nos seus versos. As questões espirituais nunca foram apenas assuntos teóricos, técnicos ou filosóficos, pois Davi sentia seu significado com todo o seu ser. O Salmo 38 é um excelente exemplo.

O significado do cabeçalho não ficou completamente claro. Alguns acreditam que a expressão “Em memória” sugere que Davi escreveu esse hino como reflexão sobre uma circunstância passada, lembrando da angústia sofrida por causa do seu pecado. Outros sugerem uma possível ligação às ofertas feitas como “porção memorial” no serviço no santuário dos israelitas (Levítico 2:2 e 24:7). Mesmo sem ter certeza do significado preciso desse termo, podemos ver no Salmo uma mensagem de valor para todos, pois devemos reconhecer o efeito devastador do pecado em nossas vidas.

Antes de analisar a estrutura desse Salmo, vale a pena ler o hino inteiro e observar o envolvimento total de Davi na sua mensagem. Observando a sua linguagem, podemos dizer que o pecado que ele cometeu o afetou da cabeça aos pés. Ele cita seus ossos, cabeça, lombos, coração, olhos, ouvidos, lábios e pé (versos 3,4,7,8,10,14,16) para reforçar a afirmação repetida “Não há parte sã na minha carne” (versos 3 e 7). Davi ficou abalado, angustiado e debilitado quando reconheceu sua culpa diante do Senhor.

Os primeiros versos do Salmo descrevem esse sofrimento como consequência do seu pecado: “Não há parte sã na minha carne, por causa da tua indignação; não há saúde nos meus ossos, por causa do meu pecado. Pois já se elevam acima de minha cabeça as minhas iniquidades; como fardos pesados, excedem as minhas forças. Tornam-se infectas e purulentas as minhas chagas, por causa da minha loucura” (versos 3 a 5).

Davi estava sendo castigado por Deus, e admitia a justiça do Senhor. Ele apelou à misericórdia de Deus para que não fosse totalmente destruído por sua ira justa (verso 1).

O rei de Israel continua seu poema sobre a angústia, descrevendo o envolvimento de outras pessoas (versos 9 a 20). Amigos, companheiros e parentes se afastaram dele (verso 11), nos lembrando da reação dos amigos de Jó, que acharam difícil olhar para a pessoa desfigurada por graves doenças. Inimigos aproveitaram a oportunidade para tentar matá-lo, e circulavam boatos falsos e cruéis sobre o rei (verso 12).

Davi não se sentia obrigado a responder às acusações falsas, pois confiava na justiça de Deus: “Armam ciladas contra mim os que tramam tirar-me a vida; os que me procuram fazer o mal dizem coisas perniciosas e imaginam engano todo o dia. Mas eu, como surdo, não ouço e, qual mudo, não abro a boca. Sou, com efeito, como quem não ouve e em cujos lábios não há réplica. Pois em ti, SENHOR, espero; tu me atenderás, Senhor, Deus meu” (versos 12 a 15).

No final das contas, Davi nunca teria como satisfazer todos que o criticavam e acusavam injustamente. Pior, ele não teria condições de satisfazer a ira de Deus que o castigava em justiça. Sua única esperança foi apelar à misericórdia de Deus para o salvar, e assim ele encerra o hino com estas palavras, que se tornam nossas quando reconhecemos as consequências dos nossos próprios pecados contra o Criador: “Não me desampares, SENHOR; Deus meu, não te ausentes de mim. Apressa-te em socorrer-me, Senhor, salvação minha” (versos 21 e 22).

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA