Share Button

A Generosidade

A generosidade é uma virtude universalmente admirada, mas nem sempre praticada. No egoísmo que domina a vida de muitos, a generosidade foi derrubada pela ganância. Das atitudes de políticos corruptos que desviam dinheiro destinado ao benefício de cidadãos pobres às estratégias de comerciantes desonestos que mentem para ganhar alguns centavos a mais, interesses próprios eclipsam qualquer noção de liberalidade. Faremos bem lembrando de alguns ensinamentos que Deus nos dá nas Escrituras sobre o valor de uma alma generosa.

Encontramos um excelente exemplo de generosidade na história de Boaz, relatada no livro de Rute. Quando uma viúva jovem chegou ao seu campo no período da sega, ele incentivou que ficasse para pegar as sobras das espigas. Nisso, ele respeitou a lei que governava os hebreus, que mandou que deixassem uma parte para os pobres buscarem (Levítico 19:9-10). Boaz até falou para seus servos deixarem cair espigas de propósito para facilitar o trabalho de Rute, a viúva que as apanhava para sua alimentação e para cuidar da sogra dela, outra viúva. Deus abençoou Boaz com um lugar especial na História como ascendente do rei Davi e do próprio Jesus Cristo.

Um dos descendentes de Boaz ensinou sobre a generosidade. Nos provérbios de Salomão, encontramos estas pérolas: “A quem dá liberalmente, ainda se lhe acrescenta mais e mais; ao que retém mais do que é justo, ser-lhe-á em pura perda. A alma generosa prosperará e quem dá a beber será dessedentado. Ao que retém o trigo, o povo o amaldiçoa, mas bênção haverá sobre a cabeça do seu vendedor. Quem procura o bem alcança favor, mas ao que corre atrás do mal, este lhe sobrevirá” (Provérbios 11:24-27). Outro provérbio diz: “Quem se compadece do pobre ao SENHOR empresta, e este lhe paga o seu benefício” (Provérbios 19:17).

Enquanto as Escrituras nunca defendem a preguiça ou falta de responsabilidade (2 Tessalonicenses 3:10; 1 Timóteo 5:8), elas também nos ensinam a demonstrar compaixão e bondade para os necessitados.

O apóstolo Paulo ensinou que um dos motivos do nosso trabalho é para poder ajudar os pobres: “Aquele que furtava não furte mais; antes, trabalhe, fazendo com as próprias mãos o que é bom, para que tenha com que acudir ao necessitado” (Efésios 4:28). Em outro momento, Paulo disse que praticava o que pregava, porque ele seguia as instruções de Jesus: “De ninguém cobicei prata, nem ouro, nem vestes; vós mesmos sabeis que estas mãos serviram para o que era necessário a mim e aos que estavam comigo. Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é mister socorrer os necessitados e recordar as palavras do próprio Senhor Jesus: Mais bem-aventurado é dar que receber” (Atos 20:33-35).

A generosidade precisa ser mais do que apenas desejos e palavras. “Se um irmão ou irmã estiverem carecidos de roupa e necessitados do alimento cotidiano, e qualquer dentre vós lhes disser: Ide em paz, aquecei-vos e fartai-vos, sem, contudo, lhes dar o necessário para o corpo, qual é o proveito disso?” (Tiago 2:15-16).

Timóteo recebeu estas orientações do apóstolo Paulo: “Exorta aos ricos do presente século que não sejam orgulhosos, nem depositem a sua esperança na instabilidade da riqueza, mas em Deus, que tudo nos proporciona ricamente para nosso aprazimento; que pratiquem o bem, sejam ricos de boas obras, generosos em dar e prontos a repartir” (1 Timóteo 6:17-18). O mesmo apóstolo disse aos cristãos em Roma: “compartilhai as necessidades dos santos; praticai a hospitalidade” (Romanos 12:13). É fácil ignorar esses ensinamentos, imaginando que se aplicam a outras pessoas mais prósperas do que nós. Vale lembrar que os brasileiros, mesmo quando o País passa por suas dificuldades econômicas, ganham mais do que os cidadãos da maioria das nações. Quando procuramos ricos que devem ser generosos, devemos olhar no espelho.

O inimigo da generosidade é o desejo de acumular cada vez mais. Jesus Cristo disse: “Tende cuidado e guardai-vos de toda e qualquer avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui” (Lucas 12:15).

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA