Share Button

Jesus Enviou uma Carta à Igreja em Éfeso

Apesar das interpretações especulativas e futuristas do livro de Apocalipse que dominam as apresentações do livro nos dias atuais, o próprio livro ofereceu uma mensagem urgente para o benefício de cristãos no primeiro século. No meio de figuras impressionantes e linguagem altamente simbólica, o Senhor comunicou com sete igrejas no território que atualmente faz parte da nação de Turquia. A primeira carta foi enviada à igreja de Éfeso, uma cidade próxima ao mar Egeu citada frequentemente no Novo Testamento. Antes de continuar, abra sua Bíblia e leia essa pequena carta em Apocalipse 2:1-7.

Jesus iniciou a carta relembrando os efésios da sua própria soberania sobre as igrejas. Como o onisciente Deus, ele afirmou conhecimento íntimo de todas as obras daquela congregação.

O Senhor viu atributos na igreja de Éfeso que mereciam seus elogios. Demonstraram dedicação e perseverança no seu trabalho, mesmo quando passaram por provações difíceis. Com certeza, entendiam a importância da diligência no serviço ao Senhor: “Maldito aquele que fizer a obra do Senhor relaxadamente!” (Jeremias 48:10). Ele não viu negligência nem preguiça nessa congregação. Persistiam na obra de Deus.

O resto do mesmo versículo em Jeremias fala da importância de aplicar a justiça de Deus até na rejeição daqueles que se posicionam contra o Senhor. Foi exatamente nesse ponto que Cristo louvou o trabalho dos efésios. Eles não recuavam da responsabilidade de identificar e rejeitar falsos mestres, pessoas que torciam e negavam a doutrina introduzida por Jesus e divulgada pelos apóstolos.

Quando outras pessoas alegaram ser apóstolos, os cristãos em Éfeso desafiaram suas afirmações. Discerniram suas mentiras e recusaram dar ouvidos a esses homens. Qualquer pessoa ou igreja que deseja a aprovação do Senhor precisa seguir esse bom exemplo dos efésios. Não deve aceitar ensinamentos sem examiná-los cuidadosamente. Mesmo se a pessoa se apresentar como um simpático representante de Deus, devemos testar suas palavras.

Os efésios corretamente identificaram a ameaça apresentada por uma seita chamada de nicolaítas. A Bíblia não nos fornece detalhes sobre a natureza do erro desses falsos mestres, mas registra o julgamento de Deus, dizendo que ele odiava as suas obras. Jesus criticou uma outra igreja por tolerar a mesma doutrina (Apocalipse 2:15).

O padrão a ser usado para julgar os ensinamentos é a mensagem já revelada nas Escrituras. Um dos verdadeiros apóstolos disse: “Mas, ainda que nós ou mesmo um anjo vindo do céu vos pregue evangelho que vá além do que vos temos pregado, seja anátema” (Gálatas 1:8). Aquele que vá além da doutrina de Cristo perde a comunhão com Deus e deve ser rejeitado pelos fiéis (2 João 9-10). Os efésios entenderam e aceitaram essas instruções.

A igreja de Éfeso, porém, não era perfeita. Apesar de ser doutrinariamente correta e dedicada no seu trabalho, essa igreja recebeu uma forte crítica do Supremo Pastor, Jesus Cristo. Ele disse que os cristãos em Éfeso haviam abandonado seu primeiro amor, deixando de praticar suas primeiras obras. Jesus mesmo frisou o amor no seu ensinamento aqui na terra, dizendo que os primeiros dois mandamentos são o amor a Deus e o amor para com os próximos (Mateus 22:37-39).

Jesus estendeu aos efésios a oportunidade de vencer e habitar com Deus eternamente, mas também avisou sobre a real possibilidade de perderem sua comunhão com Deus se não se arrependessem. Sua carta serve para nos ensinar a importância de equilíbrio no serviço ao Senhor. Nunca devemos deixar de vigiar em questões de doutrina. É importante ensinar e defender a mensagem pura registrada nas Escrituras. Mas o nosso serviço precisa ser mais do que só a defesa da verdade em palavras. Devemos viver conforme o evangelho, demonstrando na prática nosso amor ao Senhor e aos outros. Somente assim receberemos a aprovação de Deus.

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA