Share Button

Jesus Vem nas Nuvens

Representações artísticas, tanto da ascensão de Jesus ao céu como da sua esperada vinda, frequentemente o mostram em cima de nuvens. Não é difícil entender a base de tais imagens quando lemos o relato da ida de Jesus para o céu, seis semanas depois da sua ressurreição: “Ditas estas palavras, foi Jesus elevado às alturas, à vista deles, e uma nuvem o encobriu dos seus olhos. E, estando eles com os olhos fitos no céu, enquanto Jesus subia, eis que dois varões vestidos de branco se puseram ao lado deles e lhes disseram: Varões galileus, por que estais olhando para as alturas? Esse Jesus que dentre vós foi assunto ao céu virá do modo como o vistes subir” (Atos 1:9-11).

Quando estudamos o conceito de Jesus vir nas nuvens, porém, descobrimos muito mais do que apenas o fato de ele sumir da presença dos apóstolos em uma nuvem. Um pouco mais de 40 dias antes da ascensão, Jesus teve uma conversa com o sumo sacerdote em Jerusalém. Esse líder religioso estava conduzindo a reunião do Sinédrio, o concílio governante dos judeus, procurando motivos para pedir a pena de morte para Jesus. Ele perguntou para Jesus: “És tu o Cristo, o Filho do Deus Bendito?” (Marcos 14:61).

O sumo sacerdote sabia que qualquer resposta afirmativa seria suficiente para convencer os membros do concílio a sentenciar Jesus a morte. Como ele e a maioria dos outros acreditavam que Jesus era apenas um homem, a alegação de ser divino seria motivo de condená-lo por blasfêmia.

A resposta de Jesus lhe deu um prato cheio! Ele disse: “Eu sou, e vereis o Filho do Homem assentado à direita do Todo-Poderoso e vindo com as nuvens do céu” (Marcos 14:62).

Nessas palavras de Jesus, há várias afirmações da sua divindade, mas vamos frisar, nesse momento, apenas uma: ele viria com as nuvens do céu.

Homens não descem do céu nas nuvens. Jesus e os líderes judeus sabiam muito bem que essa expressão é uma afirmação de ocupar a posição de Deus. No Antigo Testamento, as Escrituras que os judeus estudavam com muita dedicação, é Deus quem vem nas nuvens. Quando Moisés subiu no monte Sinai para receber a lei de Deus, o Senhor desceu em uma nuvem (Êxodo 34:5). Ao longo da sua jornada no deserto, o povo de Israel foi guiado pela “nuvem do SENHOR” (Números 10:34).

A imagem de Deus vindo nas nuvens se tornou comum no Antigo Testamento. Um dos salmistas escreveu em seu louvor ao Senhor: “Tu estendes o céu como uma cortina, pões nas águas o vigamento da tua morada, tomas as nuvens por teu carro e voas nas asas do vento” (Salmo 104:2-3). A figura toma um aspecto de julgamento divino quando Deus vem nas nuvens para castigar povos condenados por seu pecado: “Sentença contra o Egito. Eis que o SENHOR, cavalgando uma nuvem ligeira, vem ao Egito; os ídolos do Egito estremecerão diante dele, e o coração dos egípcios se derreterá dentro deles” (Isaías 19:1).

Poucos dias antes de ser interrogado pelo sumo sacerdote, Jesus havia empregado a mesma figura de julgamento divino quando falou da destruição de Jerusalém, que aconteceria 40 anos depois. Ele disse: “...verão o Filho do Homem vindo sobre as nuvens do céu, com poder e muita glória” (Mateus 24:30). Ele claramente afirmou que veio para cumprir a profecia do seu eterno domínio, feito 600 anos antes por Daniel (7:13-14).

Quando Jesus respondeu à pergunta do sumo sacerdote com múltiplas afirmações da sua divindade, a reação foi forte. “Então, o sumo sacerdote rasgou as suas vestes e disse: Que mais necessidade temos de testemunhas? Ouvistes a blasfêmia; que vos parece? E todos o julgaram réu de morte” (Marcos 14:63-64).

Se Jesus fosse um mero homem, a conclusão dos líderes dos judeus seria correta, pois nenhum homem tem direito de afirmar sua divindade. Jesus claramente ensinou que ele é o Eterno Deus que cavalga as nuvens!

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA