Share Button
Ocupando o Espaço

Um vácuo é um vazio, a ausência de matéria em um determinado espaço. Cientistas dizem que um vácuo perfeito, no sentido da física, é impossível na Natureza. Sem a necessidade de conhecimento científico técnico, porém, podemos entender a inclinação de coisas encherem espaços vazios. A tendência é a de que matéria que exerce maior pressão preencha lugares vazios ou quase vazios.

Ao longo da História, a noção do vácuo tem desafiado tanto cientistas como filósofos, e serve para ilustrar, em termos práticos, um princípio espiritual importante. Não conseguimos manter um vácuo espiritual. A mente (pode se ler coração, alma ou espírito) não permanece vazia. Se tirar um pensamento e deixar um espaço vazio, outros pensamentos vão entrar para ocupar esse vácuo.

Por esse motivo, não podemos nos contentar com uma abordagem espiritual ou religiosa negativa. Muitas pessoas consideram a mensagem das Escrituras como algo negativo, uma grande lista de proibições. Deste ponto de vista, o serviço a Deus seria resumido nas coisas que o seguidor não faz. Frequentemente, esse entendimento vem de uma ênfase nos mandamentos negativos da Bíblia, sem observar os positivos. Dos dez mandamentos que Moisés revelou aos israelitas, oito começam com a palavra “Não” (Êxodo 20:1-17). Sem dúvida, proibições explícitas fazem parte da revelação de Deus em toda a Bíblia, tanto no Antigo como no Novo Testamento.

Seria completamente errado, porém, caracterizar a vontade divina como apenas uma lista negativa. Deus nega alguns “prazeres” ao homem, sim. Ele proíbe vários comportamentos (homicídio, imoralidade sexual, desonestidade, idolatria etc.), mas ele nunca deixa um vácuo. É comum encontrar nas Escrituras pares de listas, uma de comportamentos e atitudes para serem arrancados das nossas vidas, e outra de características e condutas destinadas a encher o espaço. Consideremos alguns exemplos.

No seu discurso final, Josué desafiou os israelitas e descartarem suas imagens idólatras, mas juntou essa instrução a um desafio positivo maior: servir ao Senhor com integridade (Josué 24:14-15). No espaço deixado pela remoção dos falsos deuses, ficaria o verdadeiro!

No oitavo século antes de Cristo, o profeta Amós pediu para o povo de Israel abandonar Betel, Gilgal e Berseba, os locais onde adoravam ídolos. Mas, antes e depois desse apelo, ele incluiu a instrução positiva de buscar o Senhor e viver (Amós 5:4-6). Eles não permaneceriam com vácuos espirituais.

Jesus baniu da vida dos seus seguidores a busca materialista característica do mundo, mas lhes deu algo maior, que satisfaz de uma maneira que os bens materiais nunca fariam: a busca do reino de Deus e de sua justiça (Mateus 6:31-34).

Paulo ensinou Timóteo a rejeitar fábulas de origem humana, mas ele não ficaria sem alimento espiritual. Se Timóteo seguisse toda a orientação de Paulo, ele se alimentaria com as palavras da boa doutrina que vem de Deus (1 Timóteo 4:6-7).

Em outra carta, o mesmo apóstolo disse: “Foge, outrossim, das paixões da mocidade. Segue a justiça, a fé, o amor e a paz com os que, de coração puro, invocam o Senhor” (2 Timóteo 2:22). Tirando uma coisa da vida, Timóteo a substituiria com outra coisa melhor e maior.

As obras da carne devem ser expulsas das nossas vidas, e o fruto do Espírito deve nos encher (Gálatas 5:19-25).

Em todos os casos citados e em muitos outros, a instrução dada por Deus é de tirar algo que não tem valor ou, pior, algo que destrói e prejudica, para colocar no seu lugar outra coisa valiosa que contribui à vida. Arrancamos o mal para inserir o bem!

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA