Share Button

Superior aos Anjos

Anjos são mensageiros. A palavra usada para identificar anjos no Novo Testamento pode significar mensageiros humanos mas, na maioria dos casos, descreve uma classe de seres celestiais enviados por Deus para servir aos homens. Há muitas referências aos anjos no Antigo e Novo Testamento.

Em um sentido específico e limitado, Jesus poderia ser descrito como anjo por ser um mensageiro enviado por Deus para trazer sua Palavra aos homens. No sentido comum da palavra anjo, porém, há uma clara e importante distinção entre Jesus e esses servos. Jesus é muito superior aos anjos. Quando entendemos o ensinamento bíblico sobre esse contraste, evitamos ser enganados pelas doutrinas heréticas que tratam Jesus como anjo.

Entre as diversas provas nas Escrituras da superioridade de Jesus, o autor de Hebreus apresenta alguns dos argumentos mais claros. O livro abre com uma afirmação da posição do Filho de Deus acima dos anjos (Hebreus 1:1-5). Depois de comentar sobre o papel de Jesus como Criador e Sustentador do Universo, Salvador dos pecadores e Rei sobre todos, o autor do livro relata o que o próprio Pai diz sobre Jesus: “E, novamente, ao introduzir o Primogênito no mundo, diz: E todos os anjos de Deus o adorem” (Hebreus 1:6). Jesus Cristo merece ser adorado pelos anjos!

A linguagem desse versículo é uma citação do Antigo Testamento. Há duas ou três possíveis fontes da citação original. Pode ser de Salmo 97:7 ou uma referência a Deuteronômio 32:43 na versão grega (LXX) do Antigo Testamento. Todas as possíveis fontes têm em comum um aspecto importante: são trechos de louvor ao Senhor Deus.

Salmo 97 começa a adoração com as palavras “Reina o SENHOR”, onde as maiúsculas indicam o nome mais comum para Deus no Antigo Testamento (traduzido, às vezes, como Javé, Yahweh ou Jeová). O salmista louva o Deus verdadeiro em contraste com os ídolos: “Sejam confundidos todos os que servem a imagens de escultura, os que se gloriam de ídolos; prostrem-se diante dele todos os deuses. Sião ouve e se alegra, as filhas de Judá se regozijam, por causa da tua justiça, ó SENHOR. Pois tu, SENHOR, és o Altíssimo sobre toda a terra; tu és sobremodo elevado acima de todos os deuses” (Salmo 97:7-9).

Deuteronômio 32 é um cântico atribuído a Moisés. Na versão grega de Deuteronômio e no Livro de Odes, uma coletânea de hinos incluída nas Bíblias da Igreja Ortodoxa, encontra-se a expressão “E todos os deuses (anjos) o adorem” (Deuteronômio 32:43; Odes 2:43). Nesse contexto, também, o foco está claramente na adoração a Deus em contraste com falsos deuses ou seres inferiores: “Então, dirá: Onde estão os seus deuses? E a rocha em quem confiavam? Deuses que comiam a gordura de seus sacrifícios e bebiam o vinho de suas libações? Levantem-se eles e vos ajudem, para que haja esconderijo para vós outros! Vede, agora, que Eu Sou, Eu somente, e mais nenhum deus além de mim; eu mato e eu faço viver; eu firo e eu saro; e não há quem possa livrar alguém da minha mão. Levanto a mão aos céus e afirmo por minha vida eterna...” (Deuteronômio 32:37-40).

A adoração descrita em todos esses textos é a honra oferecida pelas criaturas ao Criador. O uso dessa linguagem em Hebreus claramente defende a divindade de Cristo. Só Deus merece adoração (Mateus 4:10), e o próprio Pai manda que os anjos adorem a Jesus, porque Jesus é Deus!

Negar a divindade de Jesus traz uma consequência severa. Jesus disse: “a fim de que todos honrem o Filho do modo por que honram o Pai. Quem não honra o Filho não honra o Pai que o enviou” (João 5:23). O Pai, sendo Deus, merece adoração. O Filho, sendo Deus, também merece adoração!

-por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA