Share Button

A Ressurreição no Dia Final

As diversas filosofias e religiões apresentam perspectivas totalmente diferentes sobre a vida e o futuro dos seres humanos. O ateísmo é pontual: a vida de uma pessoa é um pequeno ponto finito em uma história de bilhões de anos. As religiões que defendem alguma noção de reencarnação são circulares: a vida de uma pessoa é um dos inúmeros ciclos em que volta em formas diferentes (sejam humanas ou animais). O cristianismo é linear: depois desta vida, a mesma pessoa será ressuscitada e existirá eternamente. São doutrinas totalmente diferentes que afetam o procedimento de cada pessoa, conforme suas crenças.

As ressurreições relatadas na Bíblia, principalmente a de Jesus Cristo, são apresentadas como evidências do poder de Deus. Servem, também, como fundamento para as promessas eternas que Jesus nos oferece. Jesus vinculou o poder de Deus para ressuscitar com sua própria divindade e a certeza do julgamento e da ressurreição de todos: “Pois assim como o Pai ressuscita e vivifica os mortos, assim também o Filho vivifica aqueles a quem quer. E o Pai a ninguém julga, mas ao Filho confiou todo julgamento, a fim de que todos honrem o Filho do modo por que honram o Pai. Quem não honra o Filho não honra o Pai que o enviou. Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida” (João 5:21-24).

A vida eterna na presença de Deus é reservada para os que creem no Filho que o Pai enviou. Todos, porém, serão ressuscitados: “Não vos maravilheis disto, porque vem a hora em que todos os que se acham nos túmulos ouvirão a sua voz e sairão: os que tiverem feito o bem, para a ressurreição da vida; e os que tiverem praticado o mal, para a ressurreição do juízo” (João 5:28-29).

Todos participarão da ressurreição (1 Coríntios 15:22), mas serão divididos em dois grupos com destinos muito diferentes.

A ressurreição do juízo descreve o destino das pessoas que não buscam e não obedecem ao Senhor. Um aspecto do ensinamento bíblico que muitos preferem ignorar é a promessa de julgamento e punição das pessoas que recusam a se submeter ao Senhor. A mesma vinda do Senhor que promete alívio e descanso eterno para os fiéis trará sofrimento eterno para as pessoas que rejeitam o evangelho: “. . . e a vós outros, que sois atribulados, alívio juntamente conosco, quando do céu se manifestar o Senhor Jesus com os anjos do seu poder, em chama de fogo, tomando vingança contra os que não conhecem a Deus e contra os que não obedecem ao evangelho de nosso Senhor Jesus. Estes sofrerão penalidade de eterna destruição, banidos da face do Senhor e da glória do seu poder” (2 Tessalonicenses 1:7-9).

A ressurreição da vida, porém, aponta para o destino que devemos almejar. O alívio mencionado por Paulo é o descanso eterno prometido para os fiéis. Enquanto o ateísmo nega qualquer futuro, e outras filosofias e doutrinas sugerem apenas um futuro terrestre, a mensagem do evangelho é uma de esperança da vida eterna no céu! Pedro escreveu sobre a expectativa que motiva os cristãos: “Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, para uma herança incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus para vós outros” (1 Pedro 1:3-4).

A doutrina da ressurreição futura é parte inerente da mensagem do evangelho de Jesus Cristo. Quando alguns negaram essa doutrina no primeiro século, o apóstolo Paulo se manifestou em defesa da ressurreição. Ele mostrou que a nossa esperança da ressurreição depende da ressurreição de Jesus: “Porque, se os mortos não ressuscitam, também Cristo não ressuscitou. E, se Cristo não se ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados” (1 Coríntios 15:16-17).

Depois de sair do túmulo, Jesus subiu para permanecer na presença do Pai (Hebreus 1:3; 4:14; 9:23-24). E quando eu sair do túmulo, para onde vou? E você, para onde vai?

–por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS     PESQUISAR NO SITE     MENSAGENS EM ÁUDIO    
MENSAGENS EM VÍDEO   
ESTUDOS TEXTUAIS    ANDANDO NA VERDADE  
O QUE ESTÁ ESCRITO?
  
O QUE A BIBLIA DIZ?

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©2014 Karl Hennecke, USA