Share Button

A Ressurreição no Dia Final

As diversas filosofias e religiões apresentam perspectivas totalmente diferentes sobre a vida e o futuro dos seres humanos. O ateísmo é pontual: a vida de uma pessoa é um pequeno ponto finito em uma história de bilhões de anos. As religiões que defendem alguma noção de reencarnação são circulares: a vida de uma pessoa é um dos inúmeros ciclos em que volta em formas diferentes (sejam humanas ou animais). O cristianismo é linear: depois desta vida, a mesma pessoa será ressuscitada e existirá eternamente. São doutrinas totalmente diferentes que afetam o procedimento de cada pessoa, conforme suas crenças.

As ressurreições relatadas na Bíblia, principalmente a de Jesus Cristo, são apresentadas como evidências do poder de Deus. Servem, também, como fundamento para as promessas eternas que Jesus nos oferece. Jesus vinculou o poder de Deus para ressuscitar com sua própria divindade e a certeza do julgamento e da ressurreição de todos: “Pois assim como o Pai ressuscita e vivifica os mortos, assim também o Filho vivifica aqueles a quem quer. E o Pai a ninguém julga, mas ao Filho confiou todo julgamento, a fim de que todos honrem o Filho do modo por que honram o Pai. Quem não honra o Filho não honra o Pai que o enviou. Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida” (João 5:21-24).

A vida eterna na presença de Deus é reservada para os que creem no Filho que o Pai enviou. Todos, porém, serão ressuscitados: “Não vos maravilheis disto, porque vem a hora em que todos os que se acham nos túmulos ouvirão a sua voz e sairão: os que tiverem feito o bem, para a ressurreição da vida; e os que tiverem praticado o mal, para a ressurreição do juízo” (João 5:28-29).

Todos participarão da ressurreição (1 Coríntios 15:22), mas serão divididos em dois grupos com destinos muito diferentes.

A ressurreição do juízo descreve o destino das pessoas que não buscam e não obedecem ao Senhor. Um aspecto do ensinamento bíblico que muitos preferem ignorar é a promessa de julgamento e punição das pessoas que recusam a se submeter ao Senhor. A mesma vinda do Senhor que promete alívio e descanso eterno para os fiéis trará sofrimento eterno para as pessoas que rejeitam o evangelho: “. . . e a vós outros, que sois atribulados, alívio juntamente conosco, quando do céu se manifestar o Senhor Jesus com os anjos do seu poder, em chama de fogo, tomando vingança contra os que não conhecem a Deus e contra os que não obedecem ao evangelho de nosso Senhor Jesus. Estes sofrerão penalidade de eterna destruição, banidos da face do Senhor e da glória do seu poder” (2 Tessalonicenses 1:7-9).

A ressurreição da vida, porém, aponta para o destino que devemos almejar. O alívio mencionado por Paulo é o descanso eterno prometido para os fiéis. Enquanto o ateísmo nega qualquer futuro, e outras filosofias e doutrinas sugerem apenas um futuro terrestre, a mensagem do evangelho é uma de esperança da vida eterna no céu! Pedro escreveu sobre a expectativa que motiva os cristãos: “Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, para uma herança incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus para vós outros” (1 Pedro 1:3-4).

A doutrina da ressurreição futura é parte inerente da mensagem do evangelho de Jesus Cristo. Quando alguns negaram essa doutrina no primeiro século, o apóstolo Paulo se manifestou em defesa da ressurreição. Ele mostrou que a nossa esperança da ressurreição depende da ressurreição de Jesus: “Porque, se os mortos não ressuscitam, também Cristo não ressuscitou. E, se Cristo não se ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados” (1 Coríntios 15:16-17).

Depois de sair do túmulo, Jesus subiu para permanecer na presença do Pai (Hebreus 1:3; 4:14; 9:23-24). E quando eu sair do túmulo, para onde vou? E você, para onde vai?

–por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA