Share Button

2 Coríntios: O Ministério da Reconciliação

Para compreender bem a mensagem de 2 Coríntios, vamos primeiro lembrar do seu contexto em relação ao trabalho do autor, Paulo. Na sua terceira viagem, Paulo escreveu a primeira carta aos coríntios quando estava em Éfeso, onde ele trabalhou no evangelho durante três anos. Depois de partir de Éfeso, ele mandou a segunda carta da Macedônia (Atos 20:1-2; 2 Coríntios 7:5-6). Muitos comentaristas acreditam, citando principalmente os comentários de Paulo em 2 Coríntios 2:1-10; 7:8; 12:14 e 13:1, que entre as duas cartas aconteceram duas coisas não registradas no livro de Atos: (1) Que Paulo fez uma visita a Corínto, e voltou para Éfeso entristecido, e (2) Que ele mandou uma outra carta, considerada severa, repreendendo algumas atitudes erradas dos coríntios.

O conteúdo da carta: Enquanto a primeira carta é voltada, em boa parte, aos problemas específicos dos coríntios (questões de doutrina e prática), a segunda abre mais o coração de Paulo para mostrar os seus sentimentos fortes em relação aos coríntios e, mais ainda, para com o Senhor. É um livro extremamente rico pelo qual somos privilegiados para ver o coração de uma das grandes personagens da História, o apóstolo Paulo.

Em 2 Coríntios, Paulo trata de assuntos importantes sobre a comunhão com Cristo e seu povo:

Capítulo 1 trata da fidelidade de Deus e do conforto que ele oferece aos fiéis.

Capítulo 2 mostra o alívio e a alegria de Paulo depois da tristeza que sentiu nos contatos anteriores com os coríntios. Parece que eles acataram os ensinamentos de Paulo e mudaram seu procedimento. Paulo comenta sobre a importância de acolher com amor um irmão que se arrependeu e voltou do pecado.

Capítulos 3 e 4 frisam a superioridade da Nova Aliança, o evangelho que Paulo pregava, em comparação com a Lei do Antigo Testamento.

Capítulos 5 a 7 destacam a esperança da salvação eterna e a separação do pecado que anteriormente dominava a vida dos coríntios e de todos os homens.

Capítulos 8 e 9 oferecem orientações sobre as contribuições para ajudar os irmãos necessitados da Judeia, um assunto introduzido no último capítulo da primeira carta. É interessante observar que em todos os ensinamentos de Paulo sobre estas contribuições, ele não aplicou a lei do dízimo que fazia parte do sistema do Antigo Testamento. Incentivou a generosidade por livre vontade, sem estipular uma porcentagem obrigatória. Apesar da grande ênfase nos dízimos na maioria das igrejas atuais, esta doutrina não faz parte das orientações apostólicas à igreja primitiva!

Capítulos 10 a 13 apresentam uma defesa do apostolado de Paulo, sugerindo que os coríntios ainda sofriam influências de falsos mestres que tentavam afastá-los de Cristo e da pureza da mensagem que Paulo pregava.

Ao longo deste livro, Paulo mostra sua alegria em servir a Deus e em participar do trabalho de divulgar a boa nova sobre Jesus Cristo. Apesar das perseguições que sofria, e até da resistência à verdade que ele enfrentava até entre os coríntios, ele se sentia privilegiado em poder proclamar o evangelho. Paulo descreve este serviço como “o ministério da reconciliação” (2 Coríntios 5:18) pelo qual homens pecadores podem ser perdoados e voltar à comunhão com Deus.

Não devemos negligenciar a oportunidade que Deus nos oferece, porque todos seremos julgados: “Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo” (2 Coríntios 5:10).

–por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 500 -- Jarinu – SP -- CEP: 13240-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2017 Karl Hennecke, USA