Share Button

Lucas: Uma Narração Coordenada da Vida de Jesus

Autor do terceiro dos relatos bíblicos do evangelho e do livro de Atos, Lucas pode ser considerado o principal historiador da igreja do primeiro século. Quando juntamos os livros de Lucas e Atos, temos uma breve história de mais de 60 anos na qual Deus comunicou aos homens sua graça e desejo de salvá-los por meio do seu filho, Jesus Cristo.

O médico que escreveu estes livros é citado por nome poucas vezes no Novo Testamento. Ele estava com Paulo quando este escreveu suas cartas da prisão (Colossenses 4:14; Filemom 24). No final de sua vida, Paulo comentou novamente da presença de Lucas com ele (2 Timóteo 4:11). A leitura cuidadosa do livro de Atos, porém, revela a participação de Lucas em boa parte da segunda e da terceira das viagens missionárias de Paulo, pois sua narração inclui longos trechos nos quais ele fala sobre “nós” e não “eles” (veja exemplos em Atos 16:10-17; 20:5-7 etc.).

É provável que Lucas tenha feito pesquisas sobre a vida de Jesus durante o tempo que acompanhou Paulo, talvez durante a prisão deste apóstolo em Cesareia, cidade próxima às regiões onde Jesus vivia poucas décadas antes. O livro de Lucas foi escrito especificamente para Teófilo, um nome que significa “um que ama a Deus” ou “amigo de Deus”.

Os evangelhos são relatos paralelos que duplicam alguns dos mesmos acontecimentos e ensinamentos de Jesus. Lucas, porém, inclui muitos fatos não relatados nos outros. Entre as parábolas relatadas exclusivamente neste livro estão as histórias do bom samaritano (Lucas 10:25-37), do agricultor rico (Lucas 12:16-21), do filho pródigo (Lucas 15:11-32) e de dois homens que oravam no templo (Lucas 18:9-14). Milagres relatados somente por Lucas incluem a ressurreição do filho da viúva em Naim (Lucas 7:11-18), a cura dos dez leprosos (Lucas 17:11-19) e a restauração da orelha do servo do sumo sacerdote (Lucas 22:50-51).

Na leitura de Lucas, observamos o conteúdo dos capítulos:

Capítulos 1 e 2 relatam o nascimento de João Batista e de Jesus, e alguns fatos da sua infância.

Capítulos 3 e 4 descrevem as preparações feitas antes de Jesus começar sua pregação pública.

Capítulos 4 a 9 apresentam atos de ensinamentos de Jesus durante seu ministério na região da Galileia.

Capítulos 9 a 19 falam do trabalho de Jesus a caminho de Jerusalém.

Capítulos 19 a 23 relatam acontecimentos da última semana antes da morte e descrevem a condenação e a crucificação do Senhor em Jerusalém.

Capítulo 24 fala sobre a ressurreição e as orientações que Jesus deu aos seus seguidores antes da sua ascensão ao céu.

Ao longo desta leitura, observamos a ênfase de Lucas em alguns aspectos do trabalho de Jesus. Ele destaca várias vezes a atenção que Jesus deu aos menosprezados, especialmente mulheres, crianças e os pobres. Jesus não julgava as pessoas por sua posição socioeconômica. Como imitadores do Mestre, devemos reconhecer o valor eterno de todos.

Lucas inclui, também, uma ênfase nas orações de Jesus, relatando mais de doze vezes que o Filho conversou com seu Pai em oração. Se o próprio Jesus considerou as orações importantes, nós devemos valorizar o privilégio de nos comunicarmos com Deus.

Lucas nos ensina sobre o maior homem de todos os tempos, o Filho de Deus que veio do céu para nos resgatar dos nossos pecados e nos ensinar como viver!

–por Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS     PESQUISAR NO SITE     MENSAGENS EM ÁUDIO    
MENSAGENS EM VÍDEO   
ESTUDOS TEXTUAIS    ANDANDO NA VERDADE  
O QUE ESTÁ ESCRITO?
  
O QUE A BIBLIA DIZ?

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©2017 Karl Hennecke, USA