Share Button

A Mensagem de Judas

Judas é um dos menores livros do Novo Testamento, contendo apenas 25 versículos. O autor se identifica como “servo de Jesus Cristo e irmão de Tiago” (Judas 1). É provável que seja o mesmo Judas citado em Mateus 13:55, irmão de Tiago, José, Simão e do próprio Jesus. Quando ele se descreve como servo de Jesus, ele mostra sua humildade em ocupar a mesma posição de discípulo de qualquer outro seguidor do Senhor, independente da família carnal.

No versículo 3, este autor define o propósito de sua pequena carta. Inicialmente, ele pretendia escrever sobre outro tema, mas mudou de ideia porque viu a necessidade de exortar os cristãos a batalhar pela fé. Vamos considerar algumas implicações deste tema de Judas.

Frequentemente pensamos sobre fé como algo pessoal, os sentimentos e as crenças particulares de cada pessoa. Neste sentido, é fácil defender o nosso direito de manter as nossas próprias convicções. Especialmente no nosso mundo pluralista e ecumênico, muitos acreditam que todas as crenças sejam igualmente válidas e que discussões sobre diferenças religiosas devem ser evitadas a todo custo. Judas não pensou desta maneira.

Judas viu “a fé” como algo concreto e absoluto (Judas 3). Ele não fala aqui sobre alguma fé subjetiva e dependente da interpretação particular de cada um, mas sobre a fé, uma única verdade oferecida a todos.

Ele afirmou que esta fé foi entregue aos santos, ou seja, aos cristãos (Judas 3). A verdade espiritual não é descoberta por meditação ou reflexão; ela foi revelada. Um dos principais motivos da confusão espiritual da nossa época é a difusão da noção de verdades diferentes que vêm de cada pessoa. Judas não achou necessário batalhar para defender a prática de buscar a verdade dentro de cada um, mas viu a necessidade de defender a mensagem entregue aos santos.

Judas disse que esta fé foi entregue uma vez por todas (Judas 3). Esta linguagem chama quase todos os religiosos dos nossos dias a mudarem seus conceitos sobre a verdade. Os católicos defendem a noção do desenvolvimento (evolução) gradativo de doutrina ao longo dos séculos, enquanto muitos evangélicos confiam nas supostas revelações particulares de pastores e outros. Judas rejeita estas abordagens dizendo que a mensagem de Deus tenha sido entregue uma vez por todas e que isso teria acontecido já no primeiro século!

Foi esta confiança na revelação completa que levou Judas a enfatizar a mensagem já dada, ao invés de sugerir que os leitores buscassem novas revelações. Ele chamou todos a olharem para trás, para fatos já comunicados, e não para frente, esperando alguma novidade: “Vós, porém, amados, lembrai-vos das palavras anteriormente proferidas pelos apóstolos de nosso Senhor Jesus Cristo” (Judas 17). O apóstolo Pedro usou linguagem quase idêntica (2 Pedro 1:12-15).

Judas considerou esta fé tão importante que incentivou os cristãos a batalharem por ela (Judas 3). Devemos perceber dois fatos importantes sobre esta batalha:

1) É espiritual, e não carnal. Judas não incentivou alguma cruzada sangrenta na qual os cristãos tentariam exterminar os descrentes. As armas e táticas desta guerra espiritual são espirituais. Judas falou da fé, oração, amor, esperança, misericórdia e compaixão (Judas 20-23). Paulo descreveu a armadura espiritual em Efésios 6:11-17 e disse em outra carta: “Porque as armas da nossa milícia não são carnais, e sim poderosas em Deus...” (2 Coríntios 10:4).

2) É necessária! A defesa do evangelho, a fé entregue aos santos nas Escrituras, é fundamental à vida dos seguidores de Jesus.

Devemos agir com amor e compaixão, mas não devemos nos calar diante das afirmações falsas de pessoas que rejeitam o Senhor e sua mensagem salvadora.

-Dennis Allan


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2016 Karl Hennecke, USA