Share Button

Submissão ao Governo

Todos os cidadãos discordam de algumas políticas e práticas do governo, não importa em qual país moram. Em alguns países, o povo tem pouca voz nestas questões, enquanto outros permitem a participação limitada dos cidadãos nas decisões do governo. Reconhecendo divergências e até abusos de alguns governos, algumas pessoas incentivam a rebeldia dos cidadãos. Outros simplesmente apoiam a desobediência do povo às leis. O que a Bíblia ensina sobre a nossa atitude para com o governo? Há vários fatos e princípios revelados nas Escrituras que nos orientam.

1) Deus é soberano. É comum observar atitudes de governantes que se acham soberanos, agindo sem nenhuma preocupação com a vontade divina. Alguns até procuram ditar princípios morais baseados na sua perspectiva política e não na palavra de Deus. Esta atitude é antiga, e nunca foi bem-sucedida. Um antigo rei do Egito desafiou o Senhor e foi humilhado por sua atitude (veja Êxodo 5:2 e continue lendo até o capítulo 14). Séculos depois, Deus ensinou uma lição importante para o rei da Babilônia: “o Altíssimo tem domínio sobre o reino dos homens e o dá a quem quer” (Daniel 4:32).

2) Governos humanos são ministros de Deus para manter ordem e castigar malfeitores. Paulo escreveu: “Todo homem esteja sujeito às autoridades superiores; porque não há autoridade que não proceda de Deus; e as autoridades que existem foram por ele instituídas. De modo que aquele que se opõe à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos condenação. Porque os magistrados não são para temor, quando se faz o bem, e sim quando se faz o mal. Queres tu não temer a autoridade? Faze o bem e terás louvor dela, visto que a autoridade é ministro de Deus para teu bem. Entretanto, se fizeres o mal, teme; porque não é sem motivo que ela traz a espada; pois é ministro de Deus, vingador, para castigar o que pratica o mal” (Romanos 13:1-4).

3) Deus mandou que seus servos obedecessem à autoridade do governo. Pedro disse: “Sujeitai-vos a toda instituição humana por causa do Senhor, quer seja ao rei, como soberano, quer às autoridades, como enviadas por ele, tanto para castigo dos malfeitores como para louvor dos que praticam o bem" (1 Pedro 2:13-14).

4) Há um limite à nossa obediência aos governantes humanos. Sabendo que Deus ordenou estas autoridades, entendemos também que ele limita sua autoridade. Se uma ordem do governo entrar em conflito direto com a palavra de Deus, devemos lembrar que o Senhor é o soberano. Os apóstolos enfrentaram uma situação na qual foi necessária desobedecer às autoridades: “Então, Pedro e os demais apóstolos afirmaram: Antes, importa obedecer a Deus do que aos homens” (Atos 5:29).

O seguidor de Jesus não precisa gostar das políticas do governo, e não precisa concordar com as opiniões das autoridades. Os trechos citados dos livros de Romanos e 1 Pedro foram escritos durante o reinado de Nero, um dos piores e mais cruéis dos imperadores de Roma. Mesmo assim, os apóstolos ensinaram a obediência ao governo. Por este motivo, devemos pagar os impostos exigidos, respeitar as leis que governam os negócios, o trânsito, a construção, etc. Devemos ser modelos de cidadãos obedientes ao governo. Porém, se o governo mandar matar, mentir ou cometer qualquer ato imoral, devemos ter a coragem para desobedecer. E se o governo chegar ao ponto de negar o nosso direito de servir a Deus, de se reunir com outros que compartilham a mesma fé ou de pregar a palavra do Senhor, devemos falar o que Pedro falou: “Antes, importa obedecer a Deus do que aos homens”.

Nas situações normais, os cristãos devem ser alguns dos melhores cidadãos em qualquer pais, respeitando a lei e aqueles que exercem autoridade. Mas no caso de governos que procuram se exaltar acima do próprio Senhor, Deus continua soberano!

–por Dennis Allan



 

ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2016 Karl Hennecke, USA