Share Button

Como Neemias Orou

Neemias estava servindo como copeiro do rei Artaxerxes na Pérsia quando recebeu más notícias. Seus companheiros judeus que tinham voltado para Judá estavam sofrendo terrivelmente nas ruínas de Jerusalém. Quando ele soube da triste situação de seus irmãos, Neemias lamentou, jejuou e orou. Leia sua oração, registrada em Neemias 1:5-11, e observe estes aspectos importantes:

1. Ele reconheceu a exaltada posição de Deus (1:5). Neemias estava se aproximando do Senhor que é o "Deus dos céus, Deus grande e temível."

2. Ele reconheceu a humilde posição do homem (1:6-7). Diferente dos homens arrogantes de hoje que agem como se tivessem o direito de dar ordens a Deus, Neemias entrou na presença de Deus com grande humildade. Ele confessou seus próprios pecados e os do povo. Ele não fez, nem podia fazer, exigências. Ele era um suplicante indefeso e humilde, que reconhecia a enorme distância entre o perfeito Deus e os homens pecadores.

3. Ele baseava sua petição na absoluta fidelidade de Deus (1:8-10). Neemias não tentou convencer Deus a mudar, porque Deus já é perfeito e justo. Ele cumpre suas promessas. O sofrimento do povo não era uma falha de Deus, mas o resultado do pecado deles próprios. Esta mesma fidelidade foi a base da esperança de Neemias. Tão certo como Deus tem cumprido promessas de castigar, ele cumpri-ria suas promessas de resgate de seu povo escolhido.

4. Ele pediu com fé (1:11). Finalmente, Neemias fez seu pedido. Ele pediu a Deus uma porta aberta para que ele ajudasse seus irmãos. Ele estava se preparando para pedir ao rei para deixá-lo retornar a Jerusalém para reconstruir os muros. Neemias colocou sua confiança no Senhor, que é poderoso para abençoar os planos daqueles que verdadeiramente se dedicam a ele.

Precisamos orar com a mesma humildade e fé que Neemias demonstrava. Não temos direito de fazer exigências a Deus, mas aqueles que o servem obedientemente gozam do privilégio de falar humildemente ao Deus dos céus em oração.

-por Dennis Allan

Leia mais sobre este assunto:
"Senhor, ensina-nos a orar"
Por que Jesus orava?
A oração de intercessão do Senhor
A oração do Senhor no jardim
A oração do Senhor por uma turba de linchadores
As exortações a orar dadas por nosso Senhor
Condições para uma oração eficaz: fé
Condições para uma oração eficaz: em seu nome


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2016 Karl Hennecke, USA