Share Button

Os Tesouros da Impiedade

Quase 800 anos antes de Cristo, Miquéias foi enviado por Deus para pregar aos descendentes de Abraão. Ele explicou os motivos para o castigo que Deus traria sobre Israel (o reino do norte) e, mais tarde, sobre Judá (o reino do sul). Ele chamou o povo para praticar a justiça, amar a misericórdia e andar humildemente com Deus (Miquéias 6:8). Mas o povo resistiu, e Deus continuou a repreendê-lo. Ele disse: “Pereceu da terra o piedoso, e não há entre os homens um que seja reto. . . . As suas mãos estão sobre o mal e o fazem diligentemente” (Miquéias 7:2-3).

Entre as críticas que Deus fez encontramos esta: “Ainda há, na casa do ímpio, os tesouros da impiedade” (Miquéias 6:10). No contexto, ele fala sobre os negócios desonestos e as coisas adquiridas por meio do pecado. Esta crítica nos lembra de dois princípios importantes para as pessoas que se convertem ao Senhor:

A necessidade dos frutos do arrependimento. João Batista disse que os discípulos devem produzir “frutos dignos de arrependimento” (Mateus 3:8). Deus quer uma vida transformada. A nossa vida não segue mais as normas de uma sociedade corrupta, pois os servos do Senhor imitam a santidade de Deus (1 Pedro 2:14-17). Paulo falou para fugir das paixões da mocidade e seguir “a justiça, a fé, o amor e a paz” (2 Timóteo 2:22). Devemos ser crucificados com Cristo para que ele viva em nós (Gálatas 2:19-20).

A responsabilidade de abrir mão dos tesouros do pecado. Devemos jogar fora as coisas pecaminosas da nossa vida anterior, sejam ídolos (Gênesis 35:2), livros errados (Atos 19:18-20) ou, nos dias atuais, CDs, DVDs, músicas, revistas, etc. O contexto de Miquéias sugere, também, a restituição de dinheiro ou outros lucros de negócios desonestos. Este princípio já existiu no Antigo Testamento (cf. Levítico 6:4; Números 5:5-8; 2 Samuel 12:6). Zaqueu se prontificou para fazer restituição quando decidiu seguir a Jesus, e o Senhor o elogiou (Lucas 19:8-9). Além da restituição, devemos aprender a ser generosos e dar aos necessitados (Efésios 4:28).

Quando Miquéias pregou, muitos ouviram mas não agiram. Sejamos ouvintes e praticantes da palavra do Senhor (Tiago 1:21-27).

–por Dennis Allan

Leia mais sobre este assunto:
Oséias e o Arrependimento
Deus exige arrependimento
Arrependimento tardio
Verdadeira Conversão


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA