Lição 2
Pedro Prega no Dia de Pentecostes

(Atos 2:1-36)


Os Apóstolos Recebem o Espírito Santo (2:1-4)

- As coisas relatadas no capítulo 2 aconteceram no dia de Pentecostes (2:1), que foi o dia depois do sétimo sábado após a Páscoa (veja Êxodo 23:16; Levítico 23:15-22; Deuteronômio 16:9-12)

- O Espírito Santo desceu, e eles começaram a falar em outras línguas (2:2-4)

- Jesus tinha prometido aos apóstolos o batismo com o Espírito Santo (veja 1:1-5)

- Os doze apóstolos esperavam juntos, de acordo com as instruções de Jesus (veja 1:26)

- Os doze falaram em línguas, pregando o evangelho às pessoas de diversas nações que estavam reunidas em Jerusalém (2:7-8,14,37)

Perguntas: 

1. Os eventos do capítulo 2 ocorreram em que dia?

2. Descreva a descida do Espírito Santo que aconteceu no começo do capítulo 2.

3. O que quer dizer "línguas"?

4. Desafio adicional: Considere a evidência no contexto para saber quais pessoas receberam o batismo com o Espírito Santo nesse dia:

a. Os 12 apóstolos (1:26)

b. Os 120 discípulos (1:15)

c. Os 3.000 convertidos (2:41)

d. Toda a multidão em Jerusalém (2:6)


Os Apóstolos Começam a Falar em Línguas à Multidão (2:5-13)

- Pessoas reunidas em Jerusalém de muitas nações foram para ouvir estes homens galileus que falaram em outras línguas (2:5-7)

- A multidão ouviu os apóstolos falando nas línguas maternas dos povos diversos (2:8-11)

- As pessoas não concordaram sobre a explicação do porquê eles falaram assim (2:12-13)

- Alguns pensaram que o apóstolos estavam embriagados

- Outros consideraram este sinal e ficaram perplexos

Perguntas: 

1. Qual sinal chamou a atenção da multidão?

2. As pessoas que falaram em línguas no dia de Pentecostes eram de onde?

3. De onde eram os ouvintes?


Pedro Prega em Jerusalém (2:14-36)

- Enquanto todos os apóstolos pregaram naquele dia (veja 2:4,7,15,37), temos o relato somente da mensagem de Pedro

- Ele explicou o sinal das línguas como cumprimento da profecia de Joel (2:14-21)

- Ele negou a acusação de que eles estavam embriagados

- Ele disse que estava sendo cumprida a profecia de Joel sobre o derramamento do Espírito Santo (veja Joel 2:28-32)

P Deus prometeu, através de Joel, derramar seu Espírito sobre toda a carne, revelando sua vontade por profecias e visões

P Ele predisse sinais de julgamento (sangue, fogo, escuridão)

P Ele falou que aqueles que invocassem o nome de Senhor seriam salvos (veja Romanos 10:12-13, onde Paulo cita esta parte da profecia para mostrar que os gentios seriam salvos junto com os judeus)

- Baseando sua mensagem nas profecias do Velho Testamento sobre o Cristo, Pedro pregou sobre a morte, ressurreição e ascensão de Jesus (2:22-36)

- Jesus foi aprovado por Deus e rejeitado pelos judeus (2:22-23)

P Pedro afirmou que os milagres de Jesus mostraram que Deus o aprovou

P Ele disse que Deus tinha entregue Jesus para ser crucificado

P Mas o povo tinha culpa: Os judeus o crucificaram "por mãos de iníquos"

- Jesus foi ressuscitado pelo Pai (2:24)

- A ressurreição cumpriu a profecia feita por Davi quase 1.000 anos antes (2:25-31; veja Salmo 16:8-11)

P Esta profecia predisse que Jesus morreria com confiança que o Pai o ressuscitaria

P A morte não conseguiu vencer Jesus-

P Pedro mostrou que Davi não tinha profetizado sobre si mesmo, porque ele morreu e não ressuscitou

P Davi profetizou sobre um dos seus descendentes, falando da ressurreição de Cristo

- Pedro afirmou que Jesus foi ressuscitado e exaltado à destra do Pai (2:32-35)

P Os apóstolos foram testemunhas de Cristo ressuscitado

P Jesus foi exaltado e então derramou o Espírito Santo

- Na conclusão da sua mensagem, Pedro afirmou que o mesmo Jesus que foi crucificado pelos judeus foi ressuscitado e exaltado pelo Pai para ser Senhor e Cristo (2:36)

Perguntas: 

1. Qual profecia foi citada por Pedro para explicar como os apóstolos conseguiram falar em línguas estranhas?

2. De acordo com as palavras de Pedro nos versículos 22-24 e 36, como o povo se opunha a Deus?

3. Considere a profecia de Davi em Salmo 16:8-11 e a explicação de Pedro:

a. Como Jesus podia morrer com esperança: A esperança foi baseada em quê?

b. "Nem permitirás que o teu Santo veja corrupção": Qual é o sentido desta promessa?

c. Como podemos saber que Davi não profetizou de si mesmo?

4. Jesus já subiu ao trono de Davi, ou ainda tem que cumprir esta parte da profecia?

5. Depois da ressurreição, Jesus subiu para onde?

6. No versículo 36, como Pedro mostrou a culpa dos ouvintes e a autoridade de Jesus?

7. Desafio adicional: Esta mensagem de Pedro é um modelo importante, mostrando como devemos ensinar o evangelho. Considere como ele mostrou:

a. A culpa dos ouvintes

b. A necessidade do arrependimento

c. A posição e autoridade de Jesus


 

ESTUDOS BÍBLICOS     PESQUISAR NO SITE     MENSAGENS EM ÁUDIO    
MENSAGENS EM VÍDEO   
ESTUDOS TEXTUAIS    ANDANDO NA VERDADE  
O QUE ESTÁ ESCRITO?
  
O QUE A BIBLIA DIZ?

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©2014 Karl Hennecke, USA