Estudo Textual
Marcos
2:1-3:19

Jesus Cura um Paralítico em Cafarnaum (2:1-12)

    - Jesus entrou em Cafarnaum, e logo a casa se encheu com um grande número de pessoas (2:1-2)
    - Quatro homens levaram um paralítico e o abaixaram pelo telhado (2:3-4)
    - Jesus curou o homem, e entrou em polêmica com os escribas (2:5-12)
        - Jesus ligou a cura física com seu poder para curar espiritualmente
        - Os escribas concluíram corretamente que só Deus tem autoridade para perdoar pecados. Um mero homem que alegasse ter esta autoridade estaria blasfemando

Perguntas: 

1. O que aconteceu quando Jesus entrou numa casa em Cafarnaum? Por quê? (veja 1:43-45)

2. Como o paralítico e seus amigos mostraram fé em Cristo? Como podemos comparar a fé deles com a fé necessária para chegar a Cristo hoje?

3. Seria mais fácil curar um paralítico ou dizer que seus pecados estão perdoados? Explique sua resposta.

4. Quem tem autoridade para perdoar pecados?

5. Jesus alegou ser divino? Explique.

6. Como podemos usar este texto para mostrar o propósito dos milagres bíblicos?


Jesus Chama os Doentes (2:13-17)

    - Jesus chamou Levi (ou Mateus, veja Mateus 10:3), um publicano, ou seja, cobrador de impostos, para segui-lo, e ele obedeceu (2:13-14)
    - Jesus comeu na casa de Levi com muitos publicanos e pecadores, e entrou em mais uma polêmica com os escribas (2:15-17)
        - Eles questionaram aos discípulos de Jesus o porquê ele comia com pecadores
        - Jesus respondeu: "Os sãos não precisam de médico, e sim os doentes; não vim chamar justos, e sim pecadores"

Perguntas: 

1. Quem foi chamado para ser seguidor de Jesus?

2. Por que os escribas criticaram Jesus? Como ele respondeu?


Jesus Responde a uma Pergunta sobre o Jejum (2:18-22)

    - Algumas pessoas perguntaram a Jesus o porquê seus discípulos não jejuavam como os fariseus e os discípulos de João (2:18)
    - A resposta de Jesus mostra duas coisas:
        - Que o jejum não é meramente uma obrigação ou costume religioso, mas algo que deve ser feito com um determinado propósito (2:19-20)
            - Jesus mostrou uma ligação entre o jejum e a tristeza
            - Numa outra ocasião, ele ensinou que o jejum é entre a pessoa e Deus, e não para chamar atenção dos homens (veja Mateus 6:16-18)
        - Ele comentou que novo pano não serve em veste velha, e que não dá para pôr vinho novo em odres velhos (2:21-22). O ponto pode ser:
            - Que a nova doutrina de Jesus não se encaixa com as velhas tradições dos fariseus, ou
            - Que o jejum não é adequado a uma ocasião de alegria

Perguntas: 

1. Neste caso, qual foi a diferença entre o comportamento dos disípulos de Jesus e dos fariseus?

2. Qual foi a explicação de Jesus sobre o motivo dos discípulos não jejuarem?

Pergunta para pesquisar: Os cristãos do Novo Testamento jejuavam? Explique sua resposta, citando outras passagens.


Jesus Discute o Sábado com os Fariseus (2:23-28)

    - Os fariseus criticaram Jesus porque seus discípulos colheram e comeram espigas no sábado, dizendo que eles fizeram o que não era lícito aos sábados (2:23-24)
    - Jesus respondeu com dois pontos (2:25-28):
   
     - Um argumento baseado no caso de Davi, que violou a lei quando comeu os pães da proposição (veja 1 Samuel 21:1-6)
   
     - Uma conclusão sobre o propósito da lei do sábado e a autoridade de Cristo:
   
         - O sábado foi estabelecido para benefício do homem
   
         - Jesus é senhor do sábado

Perguntas: 

1. Qual acusação foi feita pelos fariseus contra os discípulos de Jesus?

2. Era contra a lei comer no sábado? Explique versículo 24.

3. Explique o sentido do argumento que Jesus fez quando citou o caso de Davi. Davi pecou ou não?

4. Quem é senhor do sábado?


Jesus Cura a Mão de um Homem no Sábado (3:1-6)

    - Num sábado na sinagoga, Jesus encontrou um homem com a mão aleijada (3:1)
    - Alguns fariseus observavam as ações de Jesus, prontos para criticá-lo se ele curasse no sábado (3:2)
    - Antes de fazer a cura, Jesus perguntou aos fariseus se era lícito ou não fazer o bem aos sábados. Eles não responderam (3:3-4)
    - Jesus curou o homem, utilizando apenas sua palavra (3:5)
    - Os fariseus saíram e tramaram com os herodianos contra Jesus (3:6)

Perguntas: 

1. Quem foi que Jesus encontrou na sinagoga num sábado?

2. Por que os fariseus estavam observando Cristo?

3. Nesta cura, Jesus fez algum trabalho físico no sábado?

4. Considere o contraste colocado por Jesus nas perguntas do versículo 4. Como as ações de Jesus e dos fariseus naquele dia ilustram bem esta diferença?


A Fama de Jesus Cresce por causa dos seus Milagres (3:7-12)

    - Jesus continuou seu trabalho nas áreas próximas do mar da Galiléia (3:7)
   
- Um grande número de pessoas seguia Jesus e ele curou muitos (3:7-10)
   
- Ele expulsou muitos demônios, e estes espíritos imundos confessaram que Jesus era o Filho de Deus (3:11)
   
- Jesus proibiu que eles falassem publicamente dele (3:12)

Perguntas: 

1. Jesus realizou muitos milagres perto de qual mar?

2. Localize num mapa os lugares mencionados nos versículos 7 e 8.

3. Qual foi a advertência de Jesus aos demônios expulsos?


Jesus Escolhe os Doze Apóstolos (3:13-19)

    - Jesus escolheu doze apóstolos para acompanhá-lo, pregar o evangelho e expulsar demônios (3:13-15)
   
- Os nomes deles são (3:16-19):
   
     - Pedro (Simão)
   
     - Tiago (filho de Zebedeu)
   
     - João (filho de Zebedeu)
   
     - André
   
     - Filipe
   
     - Bartolomeu
   
     - Mateus (Levi Sveja Mateus 10:3; Marcos 2:14)
   
     - Tomé
   
     - Tiago (filho de Alfeu)
   
     - Tadeu
   
     - Simão (o Zelote)
   
     - Judas Iscariotes

Perguntas: 

1. Descreva a missão dos apóstolos.

2. Dê os nomes deles. Esta seria uma boa oportunidade para decorar estes nomes.


ESTUDOS BÍBLICOS     PESQUISAR NO SITE     MENSAGENS EM ÁUDIO    
MENSAGENS EM VÍDEO   
ESTUDOS TEXTUAIS    ANDANDO NA VERDADE  
O QUE ESTÁ ESCRITO?
  
O QUE A BIBLIA DIZ?

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©2014 Karl Hennecke, USA