Share Button

Salvação Sem Perseverança?

Enquanto a mensagem do evangelho é para todas as pessoas (Romanos 1:16; 16:25-26), a maior parte do Novo Testamento foi escrita para benefício principal dos cristãos, pessoas que já foram salvas de seus pecados do passado. O Novo Testamento está cheio de conselhos para ajudar os santos a resistirem aos ataques de Satanás que tentam aprisioná-los no pecado. Uma das armas mortais de Satanás é a doutrina humana da impossibilidade da apostasia, a idéia de que um filho de Deus não pode pecar e perder a salvação.

Como em todos os outros pontos de controvérsia religiosa, nós devemos examinar este assunto à luz dos ensinamentos da Bíblia. O Novo Testamento está repleto de passagens as quais claramente explicam a necessidade da fé que permanece diante da tentação e perseguição. Vamos enfocar em quatro passagens que claramente apresentam o fato de que um Cristão tem que permanecer fiel para alcançar a meta da vida eterna com Deus naquele lar celestial.

Siga e Viva! (João 10:25-30)

Esta afirmativa de Jesus tem sido muitas vezes usada para "provar" que um Cristão não pode decair da graça. Mas, esta passagem realmente nos mostra que a nossa salvação depende da nossa contínua e fiel obediência. Jesus nos dá uma tripla promessa no versículo 28:

 

(1) Eu dou a vida eterna

(2) Minhas ovelhas jamais perecerão

(3) Ninguém as arrebatará da minha mão.

 

Esta tripla promessa é baseada em duas condições (versículo 27):

 

(1) Minhas ovelhas ouvem a minha voz

(2) E elas me seguem.

 

As duas condições estão no presente (ação habitual e contínua), mostrando que desde que as ovelhas continuem a ouvir e obedecer a Cristo, elas não serão derrotadas. Vamos seguí-lo e viver!

Permaneça em Liberdade (Gálatas 5:1-4)

Escrita principalmente para combater os erros dos "judaizantes" (cristãos que tentavam convencer as pessoas à obedecerem a velha lei), a carta aos gálatas nos avisa dos riscos de retornar à servidão do pecado, abandonando a liberdade que temos em Cristo.

Tendo claramente mostrado que a salvação é conseguida sem a lei, Paulo anima os santos gálatas para ficarem firmes na liberdade. Ele vai em frente para dizer que o retorno à obediência da lei vai separá-los de Cristo. Querendo apagar todas as dúvidas da possibilidade real da apostasia, Paulo explica mais ainda dizendo que tais pessoas decaíram da graça. Os Cristãos devem ser cautelosos para não se tornarem submissos "de novo, a jugo de escravidão", retornando aos pecados da vida passada.

Persevere para Receber a Promessa (Hebreus 10:19-39; 12:1)

O escritor da carta aos Hebreus se dirigiu aos Cristãos (veja 10:19,26,32,35) e os encorajou a desenvolver a sua fé, tomando cuidado para não voltarem ao pecado. Note as exortações:

"Guardemos firme a confissão da esperança, sem vacilar" (10:23).

"Porque, se vivermos deliberadamente em pecado, depois de termos recebido o pleno conhecimento da verdade, já não resta sacrifício pelos pecados; pelo contrário, certa expectação horrível de juízo" (10:26-27).

"Não abandoneis, portanto, a vossa confiança" (10:35).

"Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição" (10:39).

"Corramos, com perseverança" (12:1).

Firme na Justiça (2 Pedro 2:15-22; 3:13-18)

2 Pedro foi escrito principalmente para encorajar os fiéis a resistirem aos desafios e ataques de Satanás e seus servos.

Ele primeiro avisou contra os falsos mestres que tentariam atraí-los ao pecado. Esses mesmos mestres deixaram o caminho reto e erraram (2:15). Eles muitas vezes tentaram "engodam . . . aqueles que estavam prestes a fugir dos que andam no erro" (2:18).

Aqueles que retornaram ao pecado depois de haverem escapado, ficaram em piores situações do que antes de conhecerem o caminho da justiça (2:20-22).

Pedro então lembra aos santos da recompensa que espera por eles e os ensina a ter cuidado antes que "descaiais da vossa própria firmeza; antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo" (3:14-18).

Tenhamos Cuidado!

Nós devemos ter muito cuidado, e não permitir que Satanás nos engane com sua doutrina confortante de que não podemos cair. Crer numa doutrina dessa é acalentar uma falsa sensação de segurança a qual nos levará à condenação. Em vez disso, precisamos ser "sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar" (1 Pedro 5:8). Devemos enfrentar o inimigo com o conhecimento de que podemos vencer, e com a certeza de que "Ao vencedor, dar-lhe-ei que se alimente da árvore da vida" e "de modo nenhum apagarei o seu nome do livro da vida" (Apocalipse 2:7; 3:5).
 

ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA