Share Button

Adoração, Antegozo do Céu

Uma das maiores bênçãos e privilégios que Deus pôs à disposição do homem, segundo o que foi revelado no evangelho, é a oportunidade de adorá-lo. Imaginar que o Deus de toda a criação permite que essas criaturas fracas e instáveis se aproximem da sua presença é uma dádiva que muitas vezes não valorizamos.

O Significado da Adoração

Podemos aprender muita coisa sobre o que é "adoração" analisando as várias referências à adoração encontradas do Novo Testamento.  Não raro, nas Escrituras, encontramos um adorador prostrado com o rosto em terra aos pés de quem está sendo adorado (veja Mateus 4:9; 28:9; Atos 10:25; 1 Coríntios 14:25; Apocalipse 3:9; 11:16).  Embora não imaginemos que a adoração seja algo que exija tanta humilhação, a palavra na maioria da vezes traduzida por "adoração" S proskuneo S era usada em referência ao hábito de se prostrar diante de alguém e lhe beijar os pés.  Um estudioso acrescenta que o que está implícito é beijar à semelhança do cão que lambe a mão do dono.  Adorar a Deus é algo que exige um reconhecimento da presença do Senhor em humilde submissão à sua vontade.

Embora seja verdade que os cristãos adoram sempre que obedecem (Romanos 12:1) e Deus está com eles em todo momento (Mateus 28:20), a realidade da presença de Deus fica mais evidente para nós nos atos de adoração coletiva.  A Bíblia afirma-nos que a adoração, como deveria ser, levará o pecador, após se prostrar "com a face em terra" e desvendar o pecado oculto de seu coração, a adorar "a Deus, testemunhando que Deus está, de fato, no meio de vós" (1 Coríntios 14:25).  Será que a presença do Senhor na assembléia cristã é maior que a sua presença na vida de cada um de nós?  Ou será que simplesmente nos parece mais real quando nos reunimos e vemos que Cristo vive nos demais?

A Adoração Espiritual

A adoração deve ser um exercício espiritual (João 4:24).  Um esforço espiritual não é algo puramente emocional ou intelectual.  É antes algo que desenvolve o lado espiritual da nossa natureza.  O Espírito Santo nos salienta:  "O espírito firme sustém o homem na sua doença" (Provérbios 18:14).  Quando semeamos para o lado espiritual do nosso ser, não apenas desenvolvemos o que pode sustentar-nos em meio às dificuldades, mas o que poderá conduzir-nos para a vida eterna (Gálatas 6:8).  Devemos considerar os nossos momentos de adoração como festas pelo sustento espiritual.  Na assembléia, nem servimos a nós mesmos nem ficamos em falta, mas sim temos a oportunidade de preencher os outros à medida que somos preenchidos.

Na assembléia, podemos crescer espiritualmente, testemunhando outros discípulos que imitam o Mestre.  Embora jamais devemos prestar ao homem a reverência que damos a Deus, muitas vezes podemos ver Deus na vida de outros cristãos.  Como pessoas que buscam assemelhar-se a Cristo, o nosso objetivo deve ser "andar assim como ele andou" (1 João 2:6).  Quando os nossos irmãos experimentam algum êxito em relação a esse alvo, as Escrituras ensinam que devemos seguir o seu comportamento até onde se enquadrar no padrão do Senhor.  Paulo ensinou: "Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo" (1 Coríntios 11:1).

Um vislumbre do outro lado

Davi escreveu:  "Oh!  Como é bom e agradável viverem unidos os irmãos" (Salmo 133:1).  Não somente a adoração nos ajuda a ver Deus na vida dos irmãos, mas também nos dá uma prova da eternidade.  Quando os irmãos vivem em amor e paz, como devem, podemos experimentar, como em nenhuma outra relação (salvo S quem sabe? S a familiar) uma vida livre de competição, de ganância, de malícia e de egoísmo.  Neste mundo, não encontramos momento em que aqueles que estão unidos por um alvo comum trabalham pelo bem de todos, como se vê na paz e no amor demonstrados na igreja do Senhor.  Devemos, portanto, trabalhar para certificar-nos de que a nossa comunhão demonstra esse amor, para que não sirvamos de desânimo uns para com os outros.

Perdi a conta das vezes em que, nas assembléias de adoração, me ocorreu que bastava estar constantemente em adoração ao lado dos irmãos para que eu pudesse suportar qualquer provação ou tentação.  Embora se trate de uma aspiração um tanto idealista e irreal para os padrões modernos, a esperança é boa.  Um dia essa será a condição dos salvos:  em toda a eternidade unido em comunhão com todos os demais da comunidade de Deus.  Numa terra em que "nunca jamais penetrará cousa alguma contaminada, nem o que pratica abominação e mentira, mas somente os inscritos no livro da vida do Cordeiro" (Apocalipse 21:27).  Busquemos todos esse lar futuro e lutemos para fazer de nossa adoração agora, como o tabernáculo de antigamente, uma "figura e sombra das cousas celestes" (Hebreus 8:5).

- por Kyle Pope


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA