Share Button

Deus entregou tais homens

A queles que conseguem lembrar dos anos 50 sabem que a sociedade tem passado por uma transição moral radical. Liderado pelos meios de comunicação de massa, agora há uma aceitação quase da maioria de coisas que nem eram discutidas publicamente em 1950. Leia Romanos 1:24-32– 

“Por isso, Deus entregou tais homens à imundícia, pelas concupiscências de seu próprio coração, para desonrarem o seu corpo entre si; pois eles mudaram a verdade de Deus em mentira, adorando e servindo a criatura em lugar do Criador, o qual é bendito eternamente. Amém! Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro. E, por haverem desprezado o conhecimento de Deus, o próprio Deus os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem coisas inconvenientes, cheios de toda injustiça, malícia, avareza e maldade; possuídos de inveja, homicídio, contenda, dolo e malignidade; sendo difamadores, caluniadores, aborrecidos de Deus, insolentes, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais, insensatos, pérfidos, sem afeição natural e sem misericórdia. Ora, conhecendo eles a sentença de Deus, de que são passíveis de morte os que tais coisas praticam, não somente as fazem, mas também aprovam os que assim procedem.”

Chega um ponto quando a sociedade falha em fornecer uma fundação moral, boa o suficiente para dar aos seus filhos uma chance de serem cidadãos justos. Não é o suficiente abster-se de “tais coisas”, principalmente se aprovam os que assim procedem. A única esperança da nossa sociedade é para os homens justos em todo lugar tomarem um posição e falarem contra todas as formas de imoralidade e injustiça. Se isso não acontecer, temos toda razão para acreditar que Deus irá nos entregar. Se Romanos 1:24-32 não comunica isso, o que vai?

Aqueles do mundo freqüentemente reclamam sobre falhas morais de pessoas religiosas. O mundo parece ter um entendimento muito bom do padrão que Deus tem colocado pelo seu povo e a falha dos cristãos em manter aquele padrão traz inevitavelmente a repreensão sobre nosso Senhor.

A imoralidade pode levantar suas idéias entre o povo de Deus. Mas se levantar, o Senhor deu ao indivíduo errante e à igreja uma maneira de lidar com isso (1 Coríntios 5). Se cairmos no pecado devemos nos arrepender prontamente e lembrar das palavras de Efésios 5:3 – “Mas a impudicícia e toda sorte de impurezas ou cobiça nem sequer se nomeiem entre vós, como convém a santos.”

Muitos que se chamam de cristãos agora proclamam com orgulho sua participação em todos os tipos de perversões que nem eram conhecidas numa sociedade educada há trinta anos. Não-participantes freqüentemente se orgulham em sua liberalidade na aceitação daqueles que escolham estilos de vida “alternativos” (Romanos 1:32). Sexo antes do casamento e adultério raramente são denunciados fora da igreja, já que parecem ser pouca coisa em comparação com esses outros atos de imoralidade “vulgar.”

Considere seriamente Romanos 1:24-32 e pergunte a si mesmo: Deus entregou a nossa sociedade? Veja também 2 Pedro 2:9.

Nós entendemos o significado de seremos peregrinos e forasteiros (2 Pedro 2:11)? Pedro estava falando sobre a igreja quando disse, “Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz” (1 Pedro 2:9).

Não há espaço para ceder aqui (1 Coríntios 6:9-11). Como indivíduos, devemos fugir da fornicação (1 Coríntios 6:18); e instituições religiosas que não ensinam toda a palavra de Deus sobre assuntos morais claramente não estão em comunhão com Deus (1 Coríntos 6:14 - 7:1).

Os cristãos não podem alegar serem perfeitos (1 João 1:8); mas não pode haver dúvida de que a igreja do Senhor é o único santuário de moralidade neste mundo de hoje. Os mundanos podem usar as exceções, mas é exatamente isso que são – exceções aos modelos de honra e virtude.

Em contraste completo com as tendências deste mundo, “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus” (Mateus 5:16).

–por David B. Brown


 

ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA