Share Button

Os desafios na vida do novo cristão (20)

Os cuidados do mundo

Um amigo meu queria um jardim no seu quintal. Depois de gastar muito tempo, dinheiro e esforço, o seu quintal não produzia nada. Outro amigo, após gastar pouco tempo, dinheiro e esforço em seu quintal, teve uma “safra” inigualável.

Como se pode explicar a diferença entre esses dois jardins? Os dois terrenos receberam fertilizantes, cultivo, sementes de alta qualidade e sol e chuva como deviam. A única diferença estava na qualidade do solo. Um era improdutivo e barrento, ao passo que o outro era rico e fértil. Não é difícil ver uma semelhança com os cristãos.

Eis que o semeador saiu a semear. E, ao semear, uma parte caiu à beira do caminho.... Outra parte caiu em solo rochoso.... Outra caiu entre os espinhos, e os espinhos cresceram e sufocaram. Outra, enfim, caiu em boa terra e deu fruto: a cem, a sessenta e a trinta por um(Mateus 13:3-8).

O solo ao lado do caminho entrava em contato com a semente, mas não a aceitava (Lucas 8:12). O solo rochoso (pedregoso) tinha tão pouca profundidade, que a semente não conseguiu sobreviver às provações e às tentações que se seguiram (Lucas 8:13). O solo espinhoso era fértil, mas já tinha ocupantes: O que foi semeado entre os espinhos é o que ouve a palavra, porém os cuidados do mundo e a fascinação das riquezas sufocam a palavra, e fica infrutífera(Mateus 13:22). Em nossa atual sociedade ativa, o solo espinhoso tem muitos exemplos.

Os cuidados do mundosão preocupações e interesses mundanos. Enquadram-se em três categorias:

1. Alguns cuidados são sempre pecaminosos. “Acautelai-vos por vós mesmos, para que nunca vos suceda que o vosso coração fique sobrecarregado com as conseqüências da orgia, da embriaguez e das preocupações deste mundo, e para que aquele dia não venha sobre vós repentinamente” (Lucas 21:34). Nunca é certo fazer as obras da carne (adultério, prostituição, sensualidade, idolatria, etc. ‒ Gálatas 5:19-21).

Parece-lhe estranho que o Novo Testamento alerte os cristãos de um comportamento tão repulsivo quanto esse? Todos os pecados desta lista foram praticados por pessoas que se diziam seguir a Cristo.

A ansiedade é outro exemplo do cuidado mundano que sempre é pecaminoso. Por isso, vos digo: não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes? (Mateus 6:25).

2. Alguns cuidados são sempre certos. “O que realmente eu quero é que estejais livres de preocupações. Quem não é casado cuida das coisas do Senhor, de como agradar ao Senhor(1 Coríntios 7:32). Cooperem os membros, com igual cuidado, em favor uns dos outros(1 Coríntios 12:25). Além das coisas exteriores, há o que pesa sobre mim diariamente, a preocupação com todas as igrejas(2 Coríntios 11:28).

Sempre é certo obedecer a Deus. Devemos importar-nos mais com Deus, que exige honestidade, do que pelo empregador que exige que mintamos para protegê-lo. Devemos importar-nos mais em nos reunir com os santos do que com o salário por trabalho extra. Seja no vestir, no falar ou no agir, devemos obedecer a Deus e não aos homens (Atos 5:29). Alguns estão no pecado simplesmente porque não se importam.

3. Alguns cuidados podem ser certos ou errados, dependendo das circunstâncias. “Mas o que se casou cuida das coisas do mundo, de como agradar à esposa(1 Coríntios 7:33). O marido deve manter o equilíbrio correto entre a atenção que deve dispensar à esposa e as demais atividades que Deus exige dele. O pai deve corretamente dividir o seu tempo entre os filhos e as demais obrigações. Educação boa é a que melhor prepara para servir ao Senhor; é má se leva o indivíduo a negligenciar ao Senhor. Deus nos providenciou boas coisas para o nosso prazer (1 Timóteo 6:17); mas também nos adverte quanto ao mau uso do prazer (2 Timóteo 3:4).

Romanos 14 discute algumas coisas que, dependendo das circunstâncias, podem ser certas ou erradas. Há uma diferença entre quem comete fornicação (sempre errado) e quem come presunto (correto em si, mas errado se leva outro a tropeçar).

Fazer natação não é errado, mas, se praticado em presença de pessoas vestidas de forma inadequada, pode ocasionar a tentação (Mateus 5:28; Romanos 14:13). Assistir a televisão não é errado, mas, quando consome muito do nosso tempo ou enche a nossa mente de lixo moral, devemo-nos arrepender (Provérbios 4:23; Efésios 5:16; Filipenses 4:8).

O Novo Testamento não precisa citar uma prática condenável para que seja pecaminosa. As tais coisasde Gálatas 5:21 são igualmente condenadas em princípio como outros pecados são condenados pelo preceito. Alguns estão em pecado por não distinguirem entre os cuidados certos e os errados.

Nem de longe podemos estimar quanto custou a Deus tornar-nos bom solo. Por isso, não deixe que os cuidados do mundo o impeçam de dar frutos para o Senhor (Mateus 13:23).

–por Rick Duggin


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA