Share Button

Nós não vamos embora

“Não ensinem no nome de Jesus! Não falem nada em nome dele!” Foi este o mandamento do Sinédrio dos judeus para Pedro e João depois dos apóstolos ensinarem no templo sobre a morte e ressurreição de Jesus Cristo (Atos 4:18). Estes antigos pescadores, porém, continuaram a ensinar a respeito de Jesus. De fato, todos os apóstolos continuaram a servir como testemunhas da ressurreição de Jesus Cristo, para que o Sinédrio, mais uma vez, agisse e os colocasse na prisão (Atos 4:33; 5:14-18). O Sinédrio estava furioso e gostaria de até matar aqueles professores problemáticos, mas temeram a reação das pessoas comuns (Atos 5:27-33). Estes líderes mandaram açoitar os apóstolos e, mais uma vez, os mandaram não falar em nome de Jesus (Atos 5:40). 

Por que o Sinédrio estava tão ansioso em silenciar estes homens? O ensinamento dos apóstolos incomodou o Sinédrio da mesma maneira que os ensinamentos pessoais de Jesus Cristo haviam deixado os líderes religiosos com raiva. O Senhor identificou a sua hipocrisia e os mostrou como líderes cegos. Ao invés de mudarem o seu comportamento, eles planejaram matá-lo e finalmente o colocaram numa cruz romana. Depois de sua ressurreição e ascensão, os apóstolos, que foram guiados pelo Espírito Santo, continuaram a proclamar o evangelho do reino.

O sumo sacerdote judeu e o resto do Sinédrio descobririam que estes doze homens que Jesus chamou para serem testemunhas não “iriam embora”. Precisaria de mais que ameaças e açoites para silenciar estes homens. De fato, a sua determinação para ensinar e pregar a mensagem de Jesus Cristo foi compartilhada por outros discípulos primitivos que foram espalhados pelas perseguições judaicas, mas continuaram a proclamar o evangelho onde quer que fossem (Atos 8:1-4).

Estes cristãos incômodos! Conforme ensinaram os princípios do reino dos céus, eles condenavam comportamento pecaminoso. Pregaram contra o homossexualismo (Romanos 1:26-32; 1 Coríntios 6:9-11), roubo (Efésios 4:28), palavras vãs (Efésios 5:3-5; Colossenses 3:8), bebedices (Gálatas 5:21), lascívia (Gálatas 5:19), etc. Muitas pessoas que queriam continuar em tais comportamentos sem crítica muitas vezes ressentiam a pregação do evangelho.

Há aqueles, nos dias de hoje, que gostariam de silenciar as vozes que pregam da Bíblia sobre a necessidade da conduta justa. As organizações que promovem homossexualismo não querem ouvir que o comportamento homossexual é agir de acordo com paixões infames (Romanos 1:26). Os que são promíscuos sexualmente não querem que alguém pregue que tal comportamento é destrutivo para os indivíduos envolvidos (1 Coríntios 6:18) e para a sociedade no geral. Os gananciosos e socialmente injustos não querem ouvir a respeito de sua responsabilidade para com seus vizinhos (Romanos 13:8-11; Gálatas 6:10). 

Porém, nós não vamos embora. Eles podem tentar silenciar a mensagem; eles podem tomar os prédios de igrejas, fazê-las pagar impostos e, de uma maneira geral, dificultar as nossas vidas, mas continuaremos a pregar a mensagem da justiça porque é a verdade de Deus e a única maneira pela qual os homens podem ser salvos dos seus pecados.

por Allen Dvorak


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA