Share Button

Meu Pai me ama

As maiores palavras já escritas pelo homem são encontradas na expressão “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira” (João 3:16). Conforme secou a tinta naqueles pergaminhos antigos, as palavras de graça eterna iluminaram a escuridão de um mundo tomado pelo pecado. O discípulo de Jesus – um apóstolo do Cristo – pôs diante de todos os homens o testamento do amor de Deus quando escreveu as palavras da vida eterna no evangelho de João. Declarado com estas simples palavras é amor gratuito e amor gratificante para com aqueles que viriam a conhecer o Filho do Homem.

Estas palavras não vieram do coração nem da vontade do homem. O homem jamais poderia compreender a profundeza do amor que traria o Criador deste mundo para oferecer seu único Filho como uma ovelha sacrificial para um mundo tão cheio de ódio e desespero. Satanás tinha sido vitorioso em cobrir o mundo em escuridão. Os homens conseguiam enxergar apenas a eles mesmos e aquilo que queriam na vida. Satanás havia enchido as mentes dos homens com a escuridão do pecado. Os homens amavam a escuridão porque as suas vidas estavam cheias de maldade.

Na madrugada de um dia, muito tempo atrás, o corpo crucificado de Jesus Cristo foi tomado da sepultura da morte e levantado de novo para a glória. Naquele momento a mensagem que Deus é amor ressoou das montanhas mais altas. O poder de Satanás tinha sido destruído e, como aconteceu com Cristo, os homens agora poderiam levantar novamente para a glória. Esta glória é encontrada no conhecimento do fato que meu Pai me ama.

Eu seu que meu Pai me ama, porque ele deu seu Filho para morrer por mim. “Nisto conhecemos o amor: que Cristo deu a sua vida por nós” (1 João 3:16). “Ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos” (João 15:13). Posso olhar para trás e ver o Filho do meu Pai ser morto, pelo ódio dos homens, numa estaca de madeira e ouvir os gritos daquele Filho na cruz e, no silêncio do meu Pai ouvir, "Eu te amo, Filho”. E quando terminou o sofrimento na cruz, e raiou a manhã daquele dia maravilhoso, posso ver o propósito de seu amor. Meu Pai me amou em preparar uma saída pra mim. Eu, no meu pecado e na minha rebelião, amado por meu Pai! 

Foi por causa desta mensagem de amor que a obediência surgiu no meu coração. Como no dia de Pentecostes, a história do amor de Deus ultrapassou um coração cheio do pecado e, em tons desesperados de incapacidade, surge a pergunta, “O que devo fazer?” Mais uma vez, a resposta é o amor de Deus. Em obediência ao amor de Deus, um coração tomado pelo pecado é limpo pelo “lavar regenerador e renovador do Espírito Santo” (Tito 3:5). Deus me ama – eu estou salvo!

Meu Pai ama quando sou perseverante e paciente. O seu amor é visto na sua misericórdia e na graça contínua. “Ora, o Senhor conduza o vosso coração ao amor de Deus e à constância de Cristo” (2 Tessalonicenses 3:5). O amor de Deus é um tesouro no qual posso me firmar na minha obediência e na minha fé. “Porque estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso senhor” (Romanos 8:38,39).

Meu Pai me ama e a minha vida está dedicada à sua vontade. Eu consigo mostrar apenas uma pequena porção do amor, comparado ao amor sem medida do meu Pai: “Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; ora, os seus mandamentos não são penosos” (1 João 5:3). “Guardai-vos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo, para a vida eterna(Judas 21). Um dia, quando a vida tiver acabado e uma coroa eterna for dada a todos os fiéis de todas as épocas, meu Pai me dará, pelo seu amor eterno, a prometida vida eterna.

por Kent E. Heaton, Sr


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA