Share Button

Motivação Para Descrença

Eu sempre fico intrigado com aqueles que não crêem e especialmente aqueles que trocam sua fé em Deus por agnosticismo ou ateísmo. O que é que vira as mesas e os convence de que não há Deus? Qual evidência é apresentada que seja tão convincente para que a fé em nenhum Deus pareça mais razoável do que fé em Deus? Provavelmente terá pouco que ver com evidência e muito a ver com o fato de que fé em Deus interfere ou exige mudança no estilo ou na orientação na vida.

Aldous Huxley, um notável humanista do início do século XX, admitiu "Eu tinha motivos para não querer que este mundo tivesse um significado; conseqüentemente assumi que não tinha nenhum, e fui capaz de encontrar, sem nenhuma dificuldade, razões para esta suposição. Para mim mesmo, a filosofia da inexistência de sentido era essencialmente um instrumento de liberação, sexual e política" (Ends and Means, 270).

Se os incrédulos professos fossem honestos consigo mesmos, creio que eles teriam que admitir do mesmo modo a abordagem da evidência pró e contra Deus com a mesma predisposição. É muito interessante que os crentes sejam freqüentemente retratados como preconceituosos e mesmo cegos pela sua fé. São os humanistas que gostam de se caracterizar como livres pensadores e totalmente desligados de dogma religioso.

Paul Kurtz, outro humanista, escreveu, "O primeiro princípio do humanismo secular democrático é seu compromisso com a investigação livre. Opomo-nos a qualquer tirania sobre a mente do homem, quaisquer esforços por instituições eclesiásticas, políticas, ideológicas ou sociais para algemar o livre pensamento" (Uma Declaração Secular Humanista, 1980, pág. 10-11).

Certamente, não sou nenhum humanista, mas em princípio apoio a investigação livre e a encorajo, especialmente no que toca a assuntos de fé. Admite-se que muitas pessoas religiosas não o fazem, porque sua fé é fraca ou indefensável. Contudo, o livre intercâmbio e a consideração de idéias opostas somente aumenta a aparência da verdade sendo abraçada. Muitos em ambos os lados da questão da fé em Deus têm uma atitude de "não me confunda com os fatos". A verdade não teme investigação ou desafio. O humanista declara apoiar a livre investigação mas realmente não crê nela. Considere a seguinte citação (também de Paul Kurtz) como prova.

"Hoje a teoria da evolução está novamente sob pesado ataque pelos fundamentalistas religiosos....Deploramos os esforços feitos pelos fundamentalistas... para invadir a salas de aula de ciências, exigindo que a teoria criacionista seja ensinada aos estudantes e que seja incluída nos livros de texto de biologia" (ibid, pp 21, 22).

O que aconteceu com a crença de Kurtz na livre investigação? Ele diz que quem crê na criação deverá ser livre para exprimir seus pontos de vista na sociedade, porém não na sala de aula de ciências. Por quê? "É uma impostura mascarar um artigo de fé como verdade científica e impor essa doutrina no currículo científico. Se conseguirem, os criacionistas podem minar seriamente a credibilidade da própria ciência" (ibid).

Mas criacionismo e evolução têm a ver com origens. Nenhuma delas pode ser repetida experimentalmente. Neste sentido, ambas são teorias. Porque a evolução pertence à sala de aula de ciências, mas o criacionismo não? Preconceito é a única resposta.

Se a doutrina religiosa que pode ser de alguma relevância para as teorias cientificas sendo consideradas são ameaças para a integridade da educação e a credibilidade da ciência, então as doutrinas humanistas são igualmente amea-çadoras. Por que não é uma impostura mascarar um artigo de fé humanista (macroevolução) como verdade científica e impor essa doutrina no currículo científico? Os humanistas têm tido sucesso em fazer isso com a teoria da evolução e têm, por isso, minado seriamente a credibilidade da própria ciência.

"Os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras de suas mãos" (Salmo 19:1). O verdadeiro livre pensador olha para a criação, vê ordem e planejamento, e conclui que deve haver um poderoso planejador. Diz o insensato no seu coração: Não há Deus (Salmo 53:1), e não tem desculpa por tirar uma tal conclusão (Romanos 1:18-23).

-por Andy Diestelkamp

Leia mais sobre este assunto:
Por que acreditar em Deus, em Jesus e na Bíblia?

Jesus Cristo: Lunático, Mentiroso ou Senhor?

Por Que Acreditar numa Mentira?

O Salmo de "Por quê?"

Misturando óleo com água

O Arbusto no Deserto

A cama curta de falsas doutrinas 


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA