A edificação da igreja do Senhor
Cuidado Como Constrói, Mas Construa!

E precisamos construir! -- se vamos cumprir os propósitos de Deus. Deus ordenou aos pecadores, separados de Deus, que se tornassem santos e sem culpa. Tal povo é redimido em Cristo (Efésios 1:13-14), a santa morada de Deus, construída sobre a fundação dos apóstolos e profetas, sendo Cristo a principal pedra, angular (Mateus 16:18; 1 Coríntios 3:10; Efésios 2:19-3:7).

O próprio Neemias põe-se a reconstruir as muralhas de Jerusalém, uma tarefa que estava há 100 anos por fazer. Podemos aprender como construir aplicando os princípios de Neemias. O dele era um projeto material, o nosso é espiritual. Temos que restaurar e construir a humanidade, devastada pelo pecado, numa casa espiritual. Isto tem que ser feito reconciliando o homem com Deus, em justiça (2 Coríntios 5:17-21; 1 Pedro 2:5).

Podemos construir se estivermos afinados com os propósitos de Deus. Neemias conhecia os propósitos de Deus para Jerusalém e isso fez com que ele inquirisse sobre seus irmãos e a condição da cidade. Fez com que ele procurasse soluções e ativasse o povo na restauração das muralhas. A glória de Deus não podia ser refletida enquanto o povo estivesse em desgraça e a cidade em ruínas. Enquanto o homem está em pecado, a glória de Deus não é refletida. A redenção é "para louvor da glória de sua graça" (Efésios 1:6).

Podemos construir se estivermos preocupados com as pessoas. Quando Neemias ouviu sobre a aflição do povo e as muralhas arruinadas, ele sentou-se e chorou, lamentou-se alguns dias, e jejuou e orou (Neemias 1:4-11). Ele soube que a culpa não era de Deus, que guardou a aliança, mas do homem, que a rompeu. O problema é o pecado -- nosso e dos outros. Precisamos nos compadecer profundamente pelos homens perdidos. Ainda que Neemias estivesse centenas de quilômetros longe, no conforto do palácio do rei, ele chorou pela condição de seu povo.

Podemos construir se estivermos determinados a fazer isso. Neemias encerrou sua oração (1:11), pedindo a Deus que o fizesse prosperar. A oração e o desejo de Paulo eram pela salvação dos judeus, até mesmo ser anátema para eles (Romanos 10:1; 9:1-3). Ele pediu aos santos para orarem que as portas se abrissem para ele. Somente este tipo de preocupação resultará em construção.

Podemos construir se dependermos de Deus. Neemias estava concentrado em Deus. Mais de doze vezes ele orou, desde quando ouviu pela primeira vez até quando lidou com a última irregularidade (13:29-31). Seu projeto era o que Deus tinha posto em seu coração (2:12). Estava em seu coração porque ele conhecia bem os propósitos de Deus, estava preocupado com a condição do povo de Deus, e estava determinado a fazer alguma coisa para ajudar. Se estivermos concentrado em Deus em nossos corações, saberemos seus propósitos em reconciliar-se com os pecadores, teremos profunda tristeza no coração por eles, e determinaremos prosseguir à tarefa de redimi-los. Esta meta se apossará de nossas mentes.

Podemos construir se estivermos alertas para as soluções. Quando o rei perguntou a Neemias pela visível tristeza no seu coração, Neemias compreendeu que o rei tinha a solução. Ele orou antes de fazer a petição ao rei (2:1-8). Se estivermos realmente determinados a construir, avenidas se abrirão para nós e estaremos alertas para reconhecê-las. Não é verdade que nosso trabalho anda tão lentamente porque nossas mentes estão postas em muitas outras coisas, que não dedicamos muito tempo à oração e meditação sobre os meios e modos de alcançar os perdidos?

Podemos construir se pesquisarmos a tarefa e descobrirmos os modos e meios para realizá-la. Neemias, imediatamente, na sua chegada a Jerusalém, analisou as muralhas e então alistou os chefes dos judeus, encorajando-os a fazer alguma coisa sobre a necessidade. Como resultado, eles exclamaram: "Disponhamo-nos e edifiquemos" (2:18). Precisamos de homens -- líderes, presbíteros, evangelistas, diáconos, pessoas amadurecidas e dedicadas -- que gritem, "Disponhamo-nos e edifiquemos". Estes podem ser daqueles que viveram entre os escombros das vidas arruinadas muito tempo mas que, pelo encorajamento de algum Neemias, responderão.

Podemos construir se cada homem fizer sua parte. Note no capítulo 3 aqueles que foram incumbidos de fazer a obra, cada um no seu devido lugar, na muralha. Por esforço unificado a tarefa foi completada em cinqüenta e dois dias. Temos muitos entre nós que estão querendo deixar que poucos façam toda a construção. Os bons guias alistam as energias de todo o povo. O aperfeiçoamento de todos os santos é "para o desempenho do seu serviço, para a edificação do corpo...segundo a justa cooperação de cada parte, efetua o seu próprio aumento para a edificação de si mesmo em amor" (Efésios 4:11-16).

Podemos construir se nos livrarmos da injustiça egoísta. Logo que o trabalho começou, houve queixas de dívidas, prestações e escravatura entre os judeus (5:1-13). Enquanto continuamos em pecado, a graça não pode abundar (Romanos 6:1). Justamente nesse tempo haverá invejas, ciúmes, contendas e dissensões (1 Coríntios 1:10; 3:1-3). Precisamos aprender a preferir um ao outro em honra (Romanos 12:9-10), achando os outros melhores do que nós mesmos (Filipenses 2:1-5).

Podemos construir se não ficarmos intimidados pelo inimigo. Sambalate e Tobias usaram de reprovação, engano, temor e comprometimento para desencorajar a obra. Se estivermos convencidos de que a edificação desta casa espiritual é a obra de Deus, para sua glória, não permitiremos que nada nos impeça. Algumas vezes temos que lidar com aqueles que se opôem à obra de Deus, mas precisamos não parar de construir para brigar. Talvez tenhamos que lutar com uma ferramenta numa mão e uma espada na outra, mas a edificação tem que continuar. Não ousemos parar para fazer acordos com o mal na planície de Ono; nossa obra é demasiadamente importante. Quando o homem do único talento teve medo e enterrou seu talento, ele foi condenado. "Disponhamo-nos e edifiquemos" para a glória e a graça de nosso Deus em Jesus Cristo.

-por Morris D. Norman

Leia mais sobre este assunto:
A Edificação da Igreja do Senhor - Índice


ESTUDOS BÍBLICOS     PESQUISAR NO SITE     MENSAGENS EM ÁUDIO    
MENSAGENS EM VÍDEO   
ESTUDOS TEXTUAIS    ANDANDO NA VERDADE  
O QUE ESTÁ ESCRITO?
  
O QUE A BIBLIA DIZ?

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©2014 Karl Hennecke, USA