Share Button

Pérolas dos Provérbios
Orgulho

"Olhos altivos" encabeçam uma lista de sete coisas detestadas por Jeová (Provérbios 6:16-19). Deus detesta o orgulho. Isto  merece nossa atenção.

A essência do orgulho
O orgulho, você está vendo, é totalmente sem fundamento, e portanto estúpido e irracional (veja Provérbios 20:32).
   
A pessoa orgulhosa é sábia aos seus próprios olhos (Provérbios 3:7; Romanos 12:16), daí não ser aberta ao ensinamento ou ao conselho (Provérbios 9:7-12 e outros). A pessoa "superior" pode posar como adoradora, mas presume conhecer melhor do que Deus como se deve adorar (veja 2 Crônicas 26:16; Mateus 15:7-9), sua adoração realmente saindo de sua própria vontade (Colossenses 2:23). O orgulho pode ser refletido em soberba vazia e jactanciosa (Romanos 1:30; 2 Timóteo 3:2); ou na presunção de que se tem mais domínio sobre a vida do que realmente se tem (Tiago 4:16 e contexto); ou em pretensiosa exibição com respeito a coisas materiais (1 João 2:16). Pode ser visto num ar de superioridade, "olhar altivo" (Provérbios 6:17; Salmo 101:5; Provérbios 21:4), num falar insolente (Salmo 17:10), no orgulho sendo usado como um colar (Salmo 73:6). Pode mostrar-se no trajar e na postura em geral (Isaías 3:16-26). O orgulho mostra-se no tratamento desdenhoso de pessoas "inferiores" (Lucas 18:9; Romanos 14:3). O orgulho pode levr a certo destemor e excesso de confiança com respeito a tentação e pecado (Provérbios 14:6; Mateus 26:31-35; 1 Coríntios 10:12). O orgulho pode levar um professor a colocar-se como um modelo pelo qual os mestres devem ser julgados (2 Coríntios 10:12), o professor orgulhoso sempre ganhando perfeita pontuação, uma vez que ele próprio é o modelo.

Talvez devêssemos falar em matá-lo, em vez de curá-lo (veja Colossenses 3:5). Tiago chama o mundano soberbo ao arrependimento: "...limpai vossos corações ... humilhai-vos..." (Tiago 4:6-10). Naturalmente, precisamos primeiro reconhecê-lo e convencermo-nos. A Escritura é o meio de Deus para esse fim (veja Romanos 3:20; 7:7). Mas o mero crescimento intelectual só pode levar a um orgulho aumentado (1 Coríntios 8:1). Precisamos ler com oração para que Deus nos ensine, nos convença e nos corrija. A Palavra precisa tornar-se o espelho no qual nos vemos (Tiago 1:22-25), expondo o pecado escondido no âmago (Salmo 19:11 e seguintes).

Mas ainda que possamos nos arrepender em lágrimas de manifestações específicas de orgulho, ele tem raízes profundas e livrar-nos de falsos padrões de pensamento pode ser luta de toda uma vida. Contudo, o Grande Médico receitou alguns remédios bons, começando (como dito acima), com doses regulares de Escritura, recebidas com muita oração.

A observância semanal da Ceia do Senhor pode também funcionar na destruição do orgulho. Tudo sobre o esquema da redenção é destrutivo do orgulho humano. Deus não usou a sabedoria ou o poder humano e, assim, arranca a vanglória (1 Coríntios 1:19,31). "Onde pois a jactância? Foi de todo excluída" (Romanos 3:27; veja 4:2). A salvação pela graça exclui a vanglória humana (Efésios 2:9). É-nos permitido gloriar-nos no Senhor (1 Coríntios 1:31) e seu cumprimento na cruz (Gálatas 6:14) A meditação concentrada ao pé da cruz pode destruir o orgulho.

Reconheça sua própria responsabilidade pelo pecado. Examine sua própria obra, em vez de fazer comparações com a de outros. Isto ajudará a evitar a ilusão de que somos algo quando nada somos (Gálatas 6:1-5).

"E todos nós, com o rosto desvendado," fixemos os olhos na "glória do Senhor" (2 Coríntios 3:18), Aquele cingido pela tolha (João 13:1-5), e deixemos isto transformar-nos em Sua imagem, como a presença de Jeová fez a face de Moisés brilhar. Pratique como servo, colocando os outros como se fosse acima de você (veja Efésios 5:21; Filipenses 2:1-4).

Finalmente, se a luta for dura, mas se você é sincero, entregue-se inteiramente a Deus, orando para que Ele lhe ensine humildade. Ele sabe como rebaixar aqueles que "andam no orgulho" (Daniel 4:37 no contexto; veja Jó 40:3-5; 42:1-6). Mas fique de sobreaviso! Você pode estar pedindo dor. Algumas vezes a dor e a humilhação parecem ser o único meio pelo qual a humildade pode ser aprendida. Mas quando elas chegarem, lembre-se de que você orou pedindo; e não se faça de cego à lição.

- por L. A. Mott, Jr.


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA