Share Button

2º de 5 artigos sobre o Apocalipse
O elemento tempo no Apocalipse

De acordo com o primeiro versículo do livro, o assunto do Apocalipse é: "as cousas que em breve devem acontecer" (Apocalipse 1:1). "Pois o tempo está próximo" (1:3). "Eis que vem com as nuvens" (1:7).

A parte final contém as mesmas referências a tempo. A mensagem do Apocalipse é, de novo, dita ser "as cousas que em breve devem acontecer. Eis que venho sem demora" (22:6-7). Tinha sido dito a Daniel, " ... tu, porém, preserva a visão, porque se refere a dias ainda mui distantes" (Daniel 8:26; conf. 10:14; 12:4,9). Mas João é proibido de preservar ou selar o Apocalipse, porque não lida com o futuro remoto: "o tempo está próximo" (Apocalipse 22:10).
Essa declaração é imediatamente seguida por outra indicando que o tempo está próximo quando o caráter será finalmente acertado e será muito tarde para mudar (22:11). O próximo versículo tem o Senhor dizendo, "Eis que venho sem demora, e comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo suas obras" (22:12). Então, pela terceira vez, no 22:20, "Aquele que dá testemunho destas cousas diz: Certamente venho sem demora."

É inevitável a conclusão que o Apocalipse trata principalmente de eventos que deveriam acontecer logo depois que o livro foi escrito. Se alguém nos disser que mil anos é como um dia para o Senhor (2 Pedro 3:8), precisamos replicar que o Apocalipse não foi escrito para o Senhor, mas para homens, em termos inteligíveis para eles (conforme Apocalipse 1:1-3; 22:6-9). Nem pode a frase "Eis que venho sem demora" referir-se a uma vinda milênios mais tarde, mesmo que seja executada rapidamente uma vez chegada a hora. O tempo estava tão próximo que o livro nem foi selado.

Por outro lado, a referência não pode ser à vinda de Cristo no fim do mundo. Poderia dizer alguém que isso é óbvio pela história mas, mais importante, o próprio livro do Apocalipse deixa óbvio que o fim do mundo não estava próximo, pois uma das visões de João coloca-o a pelo menos mil anos no futuro (Apocalipse 20).

O que, então, quer dizer "as cousas que em breve devem acontecer"? Qual vinda de Cristo estava próxima. A resposta a estas questões precisam ser determinadas pela evidência do próprio livro do Apocalipse. Essa evidência é encontrada em quatro passagens: Aos mártires que já tinham sido mortos foi dito "que repousassem ainda por pouco tempo" e seu sangue seria vingado (6:9-11). Desde o tempo da derrota de Satanás por meio da cruz, simbolicamente retratado em Apocalipse 12:7-12, ele está "cheio de grande cólera" contra a igreja (explicando as perseguições), "sabendo que pouco tempo lhe resta" (12:12). O principal instrumento da ira de Satanás era a besta, um monstro perseguidor, que não estava longe no futuro, ao tempo do Apocalipse (17:7-12), e quando ele vier ele continuará por apenas quarenta e dois meses (13:5). Depois desse "pouco tempo" Babilônia cairia (capítulos 17-18), a besta e o falso profeta seriam derrotados (capítulo 19), e Satanás seria preso por mil anos (20:1-3). Assim, "as cousas que em breve devem acontecer", que estão "próximas", são identificadas com o conflito entre a igreja e o monstro perseguidor (que não estava longe), terminando com a derrota do perseguidor e a prisão de Satanás depois de curto tempo. Independente da maneira que alguém possa explicar o sentido do "milênio", o livro do Apocalipse certamente não deixa dúvidas onde ele começa, a saber, não muito depois que o Apocalipse foi escrito. Não tentarei me fazer de historiador, mas insistirei que isto é o que João disse no livro que ele escreveu.

­por L. A. Mott, Jr.


ESTUDOS BÍBLICOS       PESQUISAR NO SITE       MENSAGENS EM ÁUDIO      MENSAGENS EM VÍDEO     

ESTUDOS TEXTUAIS      ANDANDO NA VERDADE     O QUE ESTÁ ESCRITO?      O QUE A BIBLIA DIZ?

 

O Que Esta Escrito?
 
©1994, ©1995, ©1996, ©1997, ©1998, ©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008, ©2009
 Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970.

Andando na Verdade
©1999, ©2000, ©2001, ©2002, ©2003, ©2004, ©2005, ©2006, ©2007, ©2008
Redator: Dennis Allan, C.P. 60804, São Paulo, SP, 05786-970

Todos os artigos no site usados com permissão dos seus autores e editoras, que retêm direitos autorais sobre seu próprio trabalho. / 
All of the articles on this site are used with permission of their authors and publishers, who retain rights of use and copyright control over their own work.

Estudos Bíblicos
estudosdabiblia.net
©1995-2015 Karl Hennecke, USA